Cruzeiros
Roteiros

Todos os horários são GMT - 3 horas [ DST ]




 Página 1 de 1 [ 5 mensagens ] 
 
 Título: Caribe Leste - Parte 2: Tortola, Turks & Caicos e Bahamas
Mensagem não lidaEnviado: Dom Dez 12, 2010 10:53 pm 
Mensagens: 4057
Caribe Leste - Parte 2: Tortola, Turks & Caicos e Bahamas

Continuando a série de matérias sobre cruzeiros marítimos pelo Caribe, é hora de falar sobre os outros portos de parada que fazem parte do Caribe Leste: Tortola, nas Ilhas Virgens Britânicas, o arquipélago de Turks & Caicos, Nassau, e ainda as ilhas particulares que algumas companhias de cruzeiros possuem nas Bahamas.

Portos de partida – Conforme dito no post anterior, a maior parte dos navios que param nestes lugares do Caribe Leste partem dos portos de Fort Lauderdale e Miami. O primeiro é um primor de organização e infra-estrutura, e o segundo também é excelente, embora seja mais movimentado.

Navio partindo de Fort Lauderdale:

Imagem

Tortola – Esta cidade pertencente às Ilhas Virgens Britânicas, localizada perto de Saint Thomas, figura em alguns roteiros pelo Caribe Leste, embora com menos freqüência do que San Juan e Saint Marteen, por exemplo. O que é uma pena, pois o local reserva ótimas surpresas, com praias e paisagens belíssimas.

Os passeios pelas Ilhas Virgens Britânicas dividem-se, genericamente, em duas opções: Ficar em Tortola, a maior das ilhas, local onde os navios atracam; ou seguir de barco para Virgin Gorda, uma outra Ilha Virgem Britânica.

Virgin Gorda é famosa não só pelas praias de areia branca e mar claro, propícias a mergulho, mas principalmente pelas “cavernas” que se formaram naturalmente em suas encostas. Essas “cavernas” são chamadas de The Baths, e são formadas por diversas grutas cheias de água do mar, que acabam funcionando como piscinas naturais, cobertas por rochas. Para chegar a Virgin Gorda, no entanto, é necessário pegar um barco ou então reservar uma das caras excursões oferecidas pelo navio, o que, aliado às poucas horas que se tem para aproveitar o local, acaba dificultando o acesso a essa maravilha natural.

Quem decide ficar em Tortola, no entanto, não sai perdendo. Quando eu fui pra lá, optei por ficar em Tortola e não me arrependo. Assim como Saint Thomas, Tortola está repleta de mirantes que descortinam belas paisagens e praias paradisíacas, como Long Bay, Brewer’s Bay e Josiah’s Beach. Mas minha grande recomendação é a praia de Cane Garden Bay, ótima para nadar e mergulhar, com areia branca e mar bem claro. Mais um paraíso em meio às maravilhosas ilhas do Caribe Leste!

As vistas dos mirantes em Tortola:

Imagem

Imagem

A paradisíaca Cane Garden Bay:

Imagem

A vista que se tem durante a partida do navio:

Imagem

Tortola funciona como porto de parada? Sim, desde que você esteja ciente de que não dá para conhecer tudo o que as Ilhas Virgens Britânicas têm a oferecer em apenas um dia. A dúvida entre ir para Virgin Gorda ou ficar em Tortola é dolorosa, e, qualquer que seja a sua decisão, você certamente estará abrindo mão de um paraíso.

Informações adicionais: O porto é bem estruturado, e, por ser uma colônia britânica, dirige-se pelo modo inglês em Tortola. Cuidado! Outro ponto que deve ser observado pelos turistas é a atenção na hora de combinar preços e horários com os motoristas de táxi. Muitos deles tentam enganar os passageiros. O inglês é a língua oficial, e o dólar americano é a moeda em circulação.

Compras: As Ilhas Virgens Britânicas, paraíso fiscal onde muitos políticos e empresários têm conta, não apresenta a mesma variedade de lojas e produtos que se vê em San Juan e Saint Thomas, por exemplo. Mesmo assim, produtos locais podem ser encontrados em lojas e feirinhas espalhados pela cidade.

Turks & Caicos – Este arquipélago, localizado a Sudeste da Flórida, perto das Bahamas, foi recentemente descoberto pelas companhias de cruzeiros. Até pouco tempo, eram raros os roteiros que incluíam Turks & Caicos entre suas paradas.

A descoberta do arquipélago pelos navios deve-se, em grande parte, à reforma do píer, realizada em 2006. Desde então, as companhias de cruzeiros passaram a contar com uma ampla infra-estrutura. Grand Turk é o local de parada dos navios, e, apesar de ser a capital de Turks & Caicos, é apenas uma pequena parte deste arquipélago.

A reforma do píer trouxe ares de paraíso artificial a Grand Turk. Foi construída uma grande piscina no porto, de uso dos passageiros dos navios que lá aportam, além de um simulador de ondas, onde as pessoas podem ter aulas e treinar com pranchas (mediante o pagamento de uma taxa), e de um restaurante Jimmy’s Buffet Maragaritaville. Também há diversas lojas e um centro de informações turísticas. Tudo concentrado a poucos metros do porto.

Grand Turk acaba sendo quase que uma extensão do navio, com a diferença de que, além das piscinas, lojas e restaurantes, há lindas praias de areia branca e mar azul-turquesa para deleite dos passageiros, algumas delas localizadas a uma distância bem curta de onde o navio está atracado.

No entanto, vale a pena alugar um carro ou algum outro meio de transporte para explorar a ilha mais a fundo. Uma boa ideia é alugar motos, scooters ou bicicletas, disponíveis em locadoras espalhadas pela ilha. É um meio exótico e gostoso de passear pelo local e chegar a praias mais afastadas. Grand Turk tem uma densidade populacional baixíssima, o que garante praias desertas, burros circulando livremente pelas ruas e um clima de ilha paradisíaca perdida no meio do nada.

As paisagens de Turks & Caicos:

Imagem

Imagem

Imagem

Participação especial:

Imagem

Grand Turk funciona como porto de parada? Com certeza! Com um píer recentemente reformado e uma estrutura de resort de praia, não faltam opções de diversão e descanso nesta bela ilha. Quem quiser um espírito caribenho mais autêntico, pode alugar um carro ou uma scooter e dar uma volta por toda a ilha. O único problema é se o dia estiver chuvoso.

Informações adicionais: O porto foi totalmente projetado para receber navios de turismo. Os passageiros descem e já encontram belas praias e uma grande piscina à sua disposição. É quase uma ilha particular. O dólar é a moeda corrente e o inglês é o idioma oficial

Compras: Não são o forte de Grand Turk. As lojas estão todas concentradas no píer, e vendem produtos caribenhos a preços inflacionados.

Nassau: A capital e também a maior cidade das Bahamas, arquipélago localizado a Sudeste da Flórida, oferece um amplo leque de atrações, destinadas a todos os bolsos e gostos.

Embora existam belas praias, como Cable Beach, elas não estão localizadas próximas ao porto e ao Centro. Por isso, Nassau acaba entrando na mesma categoria de San Juan: um porto caribenho onde vale mais a pena andar pela cidade do que se esticar na areia.

A maior parte dos turistas vai conhecer o famoso Atlantis, em Paradise Island, uma ilha de fácil acesso, conectada a Nassau por diversas pontes. Trata-se de um mega resort, com ambientes suntuosos, um cassino enorme, além de diversas piscinas com toboáguas e aquários que formam o parque aquático Aquaventure. O hotel, com todo seu esplendor, acabou transformando-se no principal ponto turístico de Nassau.

Bay Street, localizada no coração da cidade, tem diversos bares, lojas e restaurantes, sendo a principal rua de agito de Nassau. Rawson Square, perto do porto, apresenta diversos edifícios históricos bem preservados. Já Blue Lagoon Island, localizada a 20 minutos de barco a partir de Nassau, oferece programas de mergulho com golfinhos.

Nassau funciona como porto de parada? Sim. Com uma ampla oferta de atrações, que vão desde as compras até o resort Atlantis, Nassau é uma cidade caribenha urbanizada, que vale a pena conhecer.

Informações adicionais: Nassau não é tão pequena quanto a maior parte das ilhas caribenhas. Para conhecê-la bem em apenas um dia, o ideal é pegar um táxi ou alugar um carro. O dólar americano é moeda corrente, e o inglês é a língua oficial.

Compras: Um dos pontos altos de Nassau! Nas Bahamas, impera a política do “duty-free”: taxa zero em diversos produtos, como eletrônicos, jóias e relógios. Além disso, diversas lojas e feiras espalhadas pela cidade vendem produtos caribenhos. Nassau é, ao lado de San Juan, Saint Thomas e Saint Marteen, o melhor porto de todo o Caribe para fazer compras.

Ilhas particulares nas Bahamas: Quase todas as grandes companhias de cruzeiros marítimos possuem uma ilha particular no Caribe, incluindo-a entre seus portos de parada em muitos roteiros por esta região. Grande parte destas ilhas localiza-se nas Bahamas, como é o caso de Princess Cay, a ilha da Princess, e Castaway Cay, a ilha particular dos navios da Disney. A Royal e a Celebrity também têm sua praia particular no Caribe. Ela chama-se Labadee, e está localizada no Haiti. Embora, geograficamente, Labadde faça parte do Caribe Leste, ela costuma ser incluída nos roteiros que navegam pelo Caribe Oeste, razão pela qual farei o relato sobre esta ilha quando falar sobre o esta região caribenha.

Das ilhas particulares nas Bahamas, já estive em Half Moon Cay, que pertence à Holland America Cruise Line e à Carnival. É sobre ela que escreverei a seguir:

Half Moon Cay é uma ilha paradisíaca, localizada nas Bahamas e pertencente à Holland e à Carnival. Sua praia principal tem um formato de uma meia-lua, daí o nome da ilha. O navio para no meio do mar e o acesso à terra é feito por meio de barquinhos.

É uma boa opção para quem quer descansar e curtir todas as mordomias oferecidas pelo navio. A ilha funciona como uma extensão da embarcação. No restaurante, é servido um belo churrasco (incluso nas diárias do navio como uma das refeições a que os passageiros têm direito). Muitos dos tripulantes descem à ilha para continuar servindo os turistas em terra firme. Há diversas cadeiras espalhadas pela bela praia, à disposição de todos. Há até uma capela, para quem quiser se casar ou renovar seus votos matrimoniais.

A ilha, que possui um tamanho razoável, oferece, além do churrasco e do dolce far niente na maravilhosa praia, diversas opções de passeios e programas. Há cabanas e bóias para alugar, passeios de para-sailing, de jet-ski, de banana boat, passeios a cavalo, etc. Fora do mar, as opções vão desde trilhas pela mata até mergulhos com arraias. Todas estas atividades e excursões custam à parte e devem ser compradas no balcão de “shore excursions” do navio ou então no próprio site da companhia de cruzeiros.

Eu fiz duas excursões em Half Moon Cay: um passeio de bicicleta pela ilha e um mergulho com arraias em Bone Fish Lagoon. O passeio de bicicleta foi bastante agradável, com um guia muito competente, que ia parando em diversos locais da ilha, explicando sobre as plantas, o mar e a natureza do local. As bebidas estavam inclusas. Demos uma volta inteira pela ilha. Valeu muito a pena!

Já o mergulho com as arraias exige mais pique e coragem. A minha excursão saiu de manhã. Seguimos de jipe para a lagoa onde mergulharíamos. Lá, vestimos coletes, snorkel e pés-de-pato, e finalmente entramos na lagoa, cuja água estava incrivelmente gelada, quase congelando. Um instrutor dá as dicas e nos ensina a tocar nas arraias e alimentá-las. Forma-se um grande círculo humano, com diversas arraias no meio. Cada hora, uma pessoa alimenta as arraias e tem a experiência de tocá-las. Durante todo o ritual, no entanto, é possível sentir algumas arraias escapando do círculo por entre suas pernas e depois voltando. A sensação é gostosa e ao mesmo tempo aflitiva. Só experimentando para sentir como é. Apesar de todo o trabalho, e da temperatura extremamente fria da água, o passeio valeu a pena. Algumas pessoas desistem da experiência, seja por medo das arraias ou por não agüentarem a temperatura da lagoa. Por isso, é recomendável pensar 2 vezes antes de comprar este tipo de passeio.

Half Moon Cay representa bem o espírito das ilhas particulares das companhias de cruzeiros. Ressalvadas as devidas diferenças, estas ilhas possuem mais ou menos a mesma estrutura, oferecendo churrasco, atividades, excursões e belas paisagens aos passageiros.

Um dos trechos da ilha da Holland:

Imagem

Casa rústica em meio à ilha:

Imagem

Preparando-se para o passeio de bicicleta:

Imagem

O círculo humano no no passeio das arraias:

Imagem

Instrutor segura uma arraia:

Imagem

A principal praia da ilha:

Imagem

Imagem

Imagem

Ilhas particulares nas Bahamas funcionam como portos de parada? Sim, mas não espere encontrar um local tipicamente caribenho. Tudo nestas ilhas é administrado pelas companhias de cruzeiro, o que as transforma em resorts à beira-mar. Autenticamente caribenho, apenas a linda cor do mar. Mas, sendo um dos portos de parada em um roteiro de uma semana, por exemplo, estas ilhas valem muito a pena, seja para descansar ou para fazer passeios divertidos.

Informações adicionais: O dólar é a moeda oficial destas ilhas, e o inglês é o idioma corrente.

Compras: Definitivamente, não são o ponto forte das ilhas particulares. Há apenas lojas e barraquinhas vendendo rendas, souvenires e produtos típicos do Caribe. Mas quase tudo a um preço inflacionado.

Ainda há outras ilhas pertencentes ao Caribe Leste e que são portos de parada de navios, embora com menos freqüência do que os locais aqui descritos, como Saint Croix, Saint John, Samana, na República Dominicana, entre outras. Caso você já tenha ido a uma dessas ilhas de navio, ou caso conheça uma das ilhas retratadas nestes posts, convido a compartilhar sua experiência conosco!

Boa viagem!

_________________
http://fdv.im/fabiocalderon


 Título: Re: Caribe Leste - Parte 2: Tortola, Turks & Caicos e Bahama
Mensagem não lidaEnviado: Seg Dez 13, 2010 12:29 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 27275
Esse mar azulzinho do Caribe é relaxante só de olhar. Acho que qualquer pessoa, pelo menos uma vez na vida, deve curtir o Caribe e renovar as energias.

_________________
http://fdv.im/GabrielDias


 Título: Re: Caribe Leste - Parte 2: Tortola, Turks & Caicos e Bahamas
Mensagem não lidaEnviado: Ter Abr 22, 2014 9:19 pm 
Mensagens: 9
Olá, Fabio!!!

Estou lendo seus roteiros pelo Caribe e achando muito bom seus comentários, pois esclarecem bem os lugares. Fiquei apenas com algumas dúvidas: você embarcou sempre em Miami ou Fort Lauderdale ? Porque tem vários cruzeiros embarcando nas ilhas, mas ai não saberia como pegar.... Outra dúvida, você já foi pela Carnival ? Ela é boa? Estava preferindo a Norwegian, mas ela tem bem menos opções...Grato!!!


 Título: Re: Caribe Leste - Parte 2: Tortola, Turks & Caicos e Bahamas
Mensagem não lidaEnviado: Ter Abr 22, 2014 11:30 pm 
Mensagens: 4057
Oi Alexandre,

Eu já embarquei em Fort Lauderdale e também em Cape Canaveral. São 2 excelentes portos. Nunca embarquei em Miami, mas sempre ouço falar muito bem do porto de lá. Quanto à Carnival, nunca viajei nela, e o principal motivo é que ouço falar muito mal desta companhia. A ponto de alguns agentes de turismo se recusarem a me vender um cruzeiro da Carnival, pois, sabendo de minhas experiências anteriores com boas companhias, disseram que eu iria detestar os navios da Carnival. O principal argumento é que a Carnival é uma cia de segunda linha, voltada para a classe média baixa norte-americana. No seu lugar, com certeza eu escolheria a Norwegian. E há outras ótimas cias que vc pode ver, como Royal Caribbean, Celebrity, Princess, Holland...

_________________
http://fdv.im/fabiocalderon


 Título: Re: Caribe Leste - Parte 2: Tortola, Turks & Caicos e Bahamas
Mensagem não lidaEnviado: Qua Abr 23, 2014 3:01 pm 
Mensagens: 9
Muito obrigado, Fabio, como não tenho muitas experiências em cruzeiros não quero arriscar...
Abraços!!


 
 Tópicos Relacionados      Respostas 
Orlando + New York + Miami + Bahamas | Tudo isso pode ser econômico SIM!

[ Ir para página: 1, 2, 3, 4 ]

em Relatos de viagens a Orlando

Última mensagem Ter Mar 01, 2016 3:58 pm FTA76 Ver última mensagem

 

33

Road trip nos EUA: Sul ou Leste?

[ Ir para página: 1, 2, 3 ]

em Roteiros de Viagem pelos Estados Unidos

Última mensagem Ter Set 13, 2016 10:39 am betojun2579914744 Ver última mensagem

 

22

Roteiro Costa Leste dos EUA - de Atlanta a Boston

em Roteiros de Viagem pelos Estados Unidos

Última mensagem Seg Nov 21, 2016 4:48 pm Ajudante Ver última mensagem

 

4

Place Colette: A mais parisiense das praças de Paris é um charme à parte

em Paris

Última mensagem Sáb Mai 21, 2016 1:02 pm GabrielDias Ver última mensagem

 

2

Praia de Varadero | O Caribe de Cuba

em Cuba

Última mensagem Sex Set 30, 2016 5:12 pm Beatriz Ver última mensagem

 

7

 

Cruzeiros
Roteiros

Todos os horários são GMT - 3 horas [ DST ]



Ir para:  
 

 

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante