Cartões de crédito e serviços financeiros
Itaú

Todos os horários são GMT - 3 horas [ DST ]


Ir para página «  1 ... 330, 331, 332, 333, 334, 335, 336 ... 749  »

 Página 333 de 749 [ 7488 mensagens ] 
 
 Título: Re: Itaú Personnalité
Mensagem não lidaEnviado: Qua Abr 03, 2013 2:12 am 
Avatar do usuário
Mensagens: 9927
Mas tomara que o Santander compre a Credicard, e seja agressiva nos benefícios dos plásticos. CEF parece estar se mexendo neste lado de limites dos plásticos, que sempre foi o calo no pé também. Só assim para o laranjinha sentir na pele a realidade.


 Título: Re: Itaú Personnalité
Mensagem não lidaEnviado: Qua Abr 03, 2013 2:16 am 
Mensagens: 405
pois é, ae vai, não sei se esta certo postar aqui....mas já que vc citou.....ah e outra, creio que o Santander compre mesmo, já que o Bradesco comprou o Amex

http://www.relatoriobancario.com.br/rb/ ... s_seletivo


 Título: Re: Itaú Personnalité
Mensagem não lidaEnviado: Qua Abr 03, 2013 4:18 am 
Mensagens: 2598
Concordo com tudo que você disse coka, em relação a "Itaú quer ampliar uso de cartão com nova milhagem". As administradoras do cartões já tem lucros astronômicos em cima dos clientes e lojistas, e ainda ficam de mendigagem. Anuidade, tarifas reguladas, rotativo do cartão, tarifa sobre o valor de cada compra, aluguel da maquininha, antecipação de recebíveis, etc. é mais do que sulficiente para remunerar bem o banco. Isso é conversa mole de empresinha mal-caráter.

Sobre a matéria "Sócio do Itaú prega desemprego para atacar inflação", é isso mesmo que alguns setores da conservadores da sociedade querem ao criticar constantemente a política de juros baixos do governo Dilma: desemprego. Os bancos faturam bastante quando a economia vai bem, mas lucram mais ainda em momentos de grandes crises. Como vivemos um cenário de plano emprego, menos as pessoas são vítimas de juros extorcivos no rotativo do cartão, cheque especial ou parcelamento das faturas, diminuindo as receitas exageradas dos bancos. Sem falar nas dívidas que os governos fazem juntos aos banqueiros para amenizar os efeitos devastadores das quebra de grandes empresas. Até hoje, os Estados Unidos ainda estão pagando o preço por ter socorrido indústrias na crise de 2008.

Todo mundo elogiou o Plano Real de FHC pela estabilização dos preços, mas ninguém se deu conta que as medidas implantadas só visavam reduzir a demanda por produtos e serviços, provocando redução da ritmo de crescimento da inflação, mas sem combater a raiz do problema. As políticas neoliberais de redução do Estado, privatizações, além de equiparar artificialmente o câmbio frente ao dólar, em 1994, provocaram muitas demissões, o que automaticamente fez com que as pessoas tivessem menos dispostas a comprar, sobretudo o indispensável: alimentos e artigos básicos de sobrevivência.

Tudo isso até trouxe a estabilização da moeda, mas foram pouco eficientes em resolver o problema estrutural do descontrole inflacionário na década de 1980, que era a baixa produtividade da indústria e agropopecuária brasileira. Cenário que, de certa forma, se mantém até hoje. Tem inflação? Simples, vamos demitir. Esse é o mesmo pensamento de retrógados do Itaú (ou Itafú na gente, rsrsrs). Este ai pelo menos foi sincero, já outros são lobos em pele de cordeiro , travestidos de supostos paladinos da ética. A economia brasileira funciona da seguinte forma: Fome da maioria = Inflação Baixa = lucros exorbirantes dos bancos. Simples assim.

Muitos também não se conformam com uma taxa básica de juros baixa e sentem saudades de viver exclusivamente do rentismo, ao invés de investir os recursos em alguma atividade produtiva. Não podemos esquecer que a taxa de rentabilidade dos títulos públicos já foi mais de 50%, nos primeiros anos do governo FHC. Tudo isso com segurança que só o Tesouro Nacional é capaz de dar.

Por isso, não entendo fazerem tanto alarde com relação a inflação, que está acima do ideal, mas ainda corre dentro do teto da meta estipulada pelo BC. No entanto, nos últimos anos do governo FHC chegou a módicos 12 a 13% ao ano e ninguém comentava. Agora com 5,7% de IPCA estão até mandando demitir gente, faça-me o favor!!!!!!!


 Título: Re: Itaú Personnalité
Mensagem não lidaEnviado: Qua Abr 03, 2013 4:36 am 
Mensagens: 2598
Outra coisa, o Itaú não faz nehuma questão de crescer no setor de cartões de crédito. Só vocês que ainda não viram isso.

Em 2008, ano fusão com o Unibanco, o Itaú era o maior emissor de cartões de crédito no Brasil e da América Latina, com mais de 50 milhões de plásticos ativos. Em 2009, ele perdeu essa posição para o Bradesco, quando esse somou a sua carteira os cliente do recém adquirido Banco Ibi, vinculado anteriormente às lojas C&A. Em 2010, a carteira do conglomerado Itaú Unibanco caiu para 38,2 milhões de cartões. Até o segundo semestre de 2012, o número de plásticos emitidos pelo Itaú reduziu ainda mais, para apenas 34,3 milhões. Com essas últimas medidas de redução dos pontos na conversão para as milhas aéreas, aumento da cotação do dólar, aumento do número de pontos para resgate, dificuldade na negociação da anuidade, fechamento das Salas Vip, etc devem ter perdido mais alguns milhões de clientes sem se importar nem um pouco com isso.

Enquanto isso, o Bradesco segue na primeira posição com números invejáveis, incluindo a linha de cartões próprios, private label, Ibicard e American Express. O banco de Luiz Carlos Trabuco tem cerca de 91,3 milhões de cartões ativos no sistema, contra 70,5 milhões do segundo lugar, a Caixa Econômica. Ou seja, o país cresce e o Itaú encolhe no segmento. Está claro que eles estão pouco se lixando para cartão de crédito.


 Título: Re: Itaú Personnalité
Mensagem não lidaEnviado: Qua Abr 03, 2013 9:17 am 
Avatar do usuário
Mensagens: 9927
Eu acho que alguém lá do Itaú teve uma visão de alguma coisa grande por aí, e pensaram: Vamos segurar capital para fazer isto. Seja uma bolha imobiliária, uma recessão de crédito, inflação acima do BC, desemprego ou, pelo outro lado, uma boa oportunidade de ganhar muito dinheiro: Financiamento de carro/casa que viram que vai aquecer novamente, empréstimos, etc. Só isto pode ter ocorrido pelas recentes mudanças.

Não queria acreditar que cortaram simplesmente pq não dá lucro, mas não tem outro lado para correr. Na prática, deve ter sido algo que mescle os dois pensamentos acima.


 Título: Re: Itaú Personnalité
Mensagem não lidaEnviado: Qua Abr 03, 2013 11:53 am 
Avatar do usuário
Mensagens: 1466São Paulo / Belo Horizonte
As pessoas precisam entender q o único produto q vale a pena trocar pontos são passagens aéreas. Quem é q vai achar interessante trocar não sei quantos mil pontos por assinatura de revista, faqueiro, etc. O custo benefício é péssimo para o cliente.

Agora, pra passagem aérea faz diferença. Mas os leigos não fazem essa avaliação.


 Título: Re: Itaú Personnalité
Mensagem não lidaEnviado: Qua Abr 03, 2013 12:32 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 9927
Tive um parente que trocou pontos do laranjinha por um microondas, todo alegre. Não quis falar que com a pontuação utilizada consigo ir de executiva para os Eua a fim de não desanimá-lo.


 Título: Re: Itaú Personnalité
Mensagem não lidaEnviado: Qua Abr 03, 2013 2:05 pm 
Mensagens: 2598
Depende coka e imhotep. Se o microondas puder ser trocado por coisa de 5 mil pontos, é algo a se pensar. Claro que no Sempre Presente o aparelho não sairia menos que 50k.

Agora, sobre a questão da redução de crédito, os executivos do banco querem usar sua influência no governo para tentar armar uma política de demissões. É uma verdadeira indústria da crise. Eles fatura muito mais quando tudo vai mal, vide Citibank e JP Morgan que cresceram assustadoramente na crise americana de 2008.

Sobre os cartões, eles ganham já muito dinheiro com este número reduzido de clientes que ficou após as mudanças da regras. Estes mesmo que "só" pagam anuidade e não entram no rotativo, o banco não faz nenhuma questão de manter. Daqui em diante, o Itaú só quer novos clientes se forem mais "rentáveis".

Não aqueles que realizam grandes gastos no cartão, mas pagar o valor integral da faura. Só interessa ao Itaú aqueles que se afundam em dívidas, gerando valores mensais de juros extorcivos sobre as faturas. Por isso, o desemprego em massa faz parte da "estratégia" da empresa.


 Título: Re: Itaú Personnalité
Mensagem não lidaEnviado: Qua Abr 03, 2013 2:22 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 9927
E é aí que acho que banco deveria ter papel social também, decretado por lei. O indivíduo só vai se enrolar cada vez mais.


 Título: Re: Itaú Personnalité
Mensagem não lidaEnviado: Qua Abr 03, 2013 3:55 pm 
Mensagens: 2598
Tem alguma dúvida @Coka sobre o papel de cada vez mais eforcar o cidadão? Olha só a mensagem que apareceu para mim no Internet Banking, incentivando o uso do LIS:

"Lembre-se: você tem um limite de cheque especial para usar como e quando quiser. E você só paga juros sobre o valor e dias utilizados!"

Ir para página «  1 ... 330, 331, 332, 333, 334, 335, 336 ... 749  »

 
 Tópicos Relacionados      Respostas 
Compra do Citibank pelo Itaú

[ Ir para página: 1 ... 15, 16, 17 ]

em Citibank

Última mensagem Sex Nov 18, 2016 12:23 pm Brunomachado Ver última mensagem

 

164

Upgrade de cartão de crédito no Itaú

em Itaú

Última mensagem Dom Dez 04, 2016 5:36 pm Lincolns Ver última mensagem

 

7

 

Cartões de crédito e serviços financeiros
Itaú

Todos os horários são GMT - 3 horas [ DST ]



Ir para:  
 

 

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 3 visitantes