Qual moeda levar para Nova York, nos EUA?

Troca de informações sobre Nova York.

Avatar do usuário
falandodeviagem Mensagens: 19215 Administrador
Seg Jan 25, 2021 9:14 am
Imagem

Uma das maiores dúvidas de quem está com uma viagem programada aos Estados Unidos é saber qual moeda levar. A moeda oficial dos EUA é o dólar americano, que é facilmente encontrada para compra em qualquer casa de câmbio, afinal, é uma das moedas mais fortes do mundo. Nova York é uma das cidades mais interessantes do mundo e um dos destinos preferidos dos brasileiros nos EUA. Apesar de ser um destino caro, também é fascinante, e reconhecida como a capital do mundo.

Leia também: 7 perguntas que a imigração nos Estados Unidos poderá lhe fazer

Qual moeda levar para Nova York, nos EUA?

Os meios de pagamento aceitos em Nova York são os seguintes:
- Dólares americanos;
- Cartão de crédito;
- Cartão de débito;
- Cartão pré-pago (não compensa mais usar);
- Travelers cheques (ninguém mais usa).

Nunca é aconselhável viajar sem dinheiro nenhum, pois na imigração eles podem lhe perguntar quanto você está levando e pedir para você comprovar, então é sempre bom ter uma quantidade razoável, além dos cartões de crédito. Recomendamos sempre que leve pelo menos US$500 em papel moeda. Caso você tenha euros ou libras em casa, também pode levar, pois são moedas fortes e o câmbio é fácil em qualquer casa de câmbio.

Você pode voar para Nova York em voos diretos ou em voos com uma conexão. LATAM Airlines Brasil, American Airlines, United Airlines e Delta Air Lines oferecem voos diretos. A Copa Airlines voa com conexão na Cidade do Panamá.

Chegando a Nova York: como conseguir dólares?

Não leve reais. Nunca. Até pode ser possível o câmbio em alguns locais, mas não valerá a pena. O ideal, é que você se planeje levando do Brasil a quantidade exata de dólares que vai precisar, para assim não ter problemas. Em caso de necessidade, você pode realizar um saque da sua conta corrente ou através do seu cartão de crédito.

Leia também: Quantos dólares levar na minha viagem?

Ao realizar um saque em um caixa eletrônico você pagará IOF de 6,38%, além de taxa de saque do seu banco e do caixa eletrônico, por isso essa opção deve ser usada apenas em casos realmente necessários. Ao escolher o cartão de crédito você só pagará o saque quando receber sua fatura. Você paga a taxa de saque e o IOF é de 6,38%. A cotação será do dia de fechamento da fatura. Ao escolher o cartão de débito você pagará na hora, pois o dinheiro sairá imediatamente da sua conta. Você paga a taxa de saque e IOF de 6,38%.

Leia também: Saque de dólares nos Estados Unidos

Nova York é uma cidade segura?

Sim, é. Por isso, você não precisa ter medo de andar com muito dinheiro no dia a dia. Em Manhattan, até locais que parecem inseguros são seguros, mas como em toda grande cidade é preciso ficar atento. Em alguns locais, você precisa tomar cuidado com os pickpockets (batedores de carteiras).

Vale a pena usar cartão de crédito?

Sim, vale a pena. Apesar do IOF de 6,38%, consideramos ainda válida a utilização, principalmente por quatro motivos:
- Segurança: andar com muito dinheiro é sempre arriscado;
- Praticidade: processo rápido e sem preocupações;
- Cotação: normalmente a cotação do cartão de crédito é superior as das casas de câmbio;
- Milhas: não há maneira mais rápida de ganhar milhas do que usando seu cartão de crédito.

Em Nova York, o cartão tem plena aceitação, então você pode fazer compras mesmo se for no valor de US$1 sem problemas. Algumas vezes, você não precisa sequer digitar a senha, e a compra é aprovada. Não é exagero dizer que você consegue fazer 99% das suas compras com cartões de crédito durante a viagem.

E os cartões pré-pago: ainda vale a pena usar?

Com o IOF de 6,38%, deixaram de valer a pena. Vale mais a pena comprar papel moeda, pagando 1,1% de IOF. Entretanto, em alguns casos, como o de crianças viajando em excursões, pode ser válido para maior controle. Para adultos, não vale a pena.

Leia também:
- American Express GlobalTravel Card
- Mastercard Cash Passport
- Visa TravelMoney

FDV Câmbio: compra de moeda estrangeira

Através da plataforma FDV Câmbio, o Falando de Viagem vende com total segurança e rapidez na entrega dólares americanos, euros, libras esterlinas, pesos argentinos, pesos chilenos, dirham, franco suíço, coroa dinamarquesa, rand, rublo, shekel, iene e várias outras moedas. E o melhor: você não precisa sair de casa, pois todo o processo é realizado on-line e você receberá no seu endereço comercial ou residencial. Outro serviço disponível na plataforma é a remessa internacional de valores.

Trabalhamos com as melhores cotações do mercado, confira: https://cambio.falandodeviagem.com.br

Grupo de WhatsApp sobre Nova York

Além do FDV, também trocamos informações, dicas e macetes em nosso grupo do WhatsApp. Você pode participar, seguindo as regras, que estão disponíveis aqui.

Temos dois grupos até o momento, com capacidade para até 257 pessoas:
- Nova York G1: https://chat.whatsapp.com/EHyleSmA6EOE0swcwqpHcO
- Nova York G2: https://chat.whatsapp.com/Ic0ZXGHeCCKD8ZlnWcmMJe

Entre apenas em um deles - G1 ou G2.

Qual é a melhor fórmula?

Nós aconselhamos que você leve dólares, comprando um pouco de mês em mês, para garantir uma boa cotação na média. Se você sabe que vai viajar, faça um planejamento para compra da moeda, ao invés de comprar tudo na véspera da viagem, quando não poderá esperar e terá que comprar a qualquer preço.

O cartão de crédito continua válido, principalmente se o seu banco não cobra spread ou cobra um valor baixo. Clique aqui para ver quais são os melhores cartões de crédito para usar no exterior, com ágio zero.

O máximo de dólares que você pode entrar nos Estados Unidos, sem declarar, são US$10.000 por família. Qualquer valor acima deste precisa ser declarado, sob o risco de ser preso caso seja descoberto. Eles consideram família todos que moram no mesmo endereço. Então, se você está com US$5.000 e seu cônjuge com US$6.000, é necessário preencher um formulário on-line informando a quantia.

O cartão de crédito é a melhor e mais rápida forma de realizar pagamento nos Estados Unidos. Você pagará IOF de 6,38%? Sim, pagará, mas você acumulará milhas para usar na próxima viagem. Fora isso, nada se compara em termos de segurança. Antes da viagem, faça sempre o aviso viagem, para não ter problema com compras negadas.

Qualquer que seja sua escolha, tenha sempre um cartão de crédito, que será exigido como garantia no hotel e no aluguel do carro. Antes de viajar, lembre-se de avisar ao seu banco sobre a viagem, para que não haja um bloqueio indevido por suspeita de fraude. Também vale checar se há possibilidade de aumentar o seu limite de crédito.

Boa viagem!

E você, levou quantos dólares para Nova York? Usou também o cartão de crédito? Qual foi a sua fórmula escolhida? Conte para nós a sua experiência!
Imagem
ImagemImagemImagemImagemImagem
Quer aprender mais sobre cartões de crédito, milhas aéreas e viagens? Vamos abrir uma nova turma para mentoria no WhatsApp: https://fdv.im/VoceVIP
Avatar do usuário
zardox Mensagens: 11620
Ter Jan 26, 2021 8:17 am
Se uma família viajar com mais de US$ 10k, os comissários a bordo têm o formulário para o passageiro/família declarar que está entrando com mais de 10k ???
Antigamente a gente preenchia aquele formulário azul ( I-94 ??)... mas, hoje em dia, não preenchemos mais nada...
Adriana Mensagens: 2154
Qua Jan 27, 2021 6:38 am
Quando fui levei dólares (não lembro exatamente quanto), mas como já tínhamos muita coisa paga no cartão, não foi assim um exagero. Também usamos o cartão de crédito.



Booking.com

Voltar para “New York City”

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante


Anúncio