Qual moeda levar para San Diego, na Califórnia?

Troca de informações sobre San Diego.

Avatar do usuário
falandodeviagem Mensagens: 19365 Administrador
Ter Abr 27, 2021 9:44 am
Imagem

Uma das maiores dúvidas de quem está com uma viagem programada aos Estados Unidos é saber qual moeda levar. A moeda oficial dos EUA é o dólar americano, que é facilmente encontrada para compra em qualquer casa de câmbio, afinal, é uma das moedas mais fortes do mundo. San Diego é uma das cidades mais interessantes da Califórnia e tem forte influência latina, pois já foi uma colônia espanhola e as influências de seu vizinho, o México, estão por toda a parte.

Leia também: 7 perguntas que a imigração nos Estados Unidos poderá lhe fazer

Qual moeda levar para San Diego, nos EUA?

Os meios de pagamento aceitos em San Diego são os seguintes:
- Dólares americanos;
- Cartão de crédito;
- Cartão de débito;
- Cartão pré-pago (não compensa mais usar);
- Travelers cheques (ninguém mais usa).

Nunca é aconselhável viajar sem dinheiro nenhum, pois na imigração eles podem lhe perguntar quanto você está levando e pedir para você comprovar, então é sempre bom ter uma quantidade razoável, além dos cartões de crédito. Recomendamos sempre que leve pelo menos US$500 em papel moeda. Caso você tenha euros ou libras em casa, também pode levar, pois são moedas fortes e o câmbio é fácil em qualquer casa de câmbio.

Vale lembrar que San Diego não tem voo direto vindo do Brasil, então você precisará fazer imigração e conexão em outra cidade, como Los Angeles (LAX), Miami, Houston (IAH), Atlanta (ATL) ou Nova York (JFK).

Chegando a San Diego: como conseguir dólares?

Não leve reais. Nunca. Até pode ser possível o câmbio em alguns locais, mas não valerá a pena. O ideal, é que você se planeje levando do Brasil a quantidade exata de dólares que vai precisar, para assim não ter problemas. Em caso de necessidade, você pode realizar um saque da sua conta corrente ou através do seu cartão de crédito.

Leia também: Quantos dólares levar na minha viagem?

Ao realizar um saque em um caixa eletrônico você pagará IOF de 6,38%, além de taxa de saque do seu banco e do caixa eletrônico, por isso essa opção deve ser usada apenas em casos realmente necessários. Ao escolher o cartão de crédito você só pagará o saque quando receber sua fatura. Você paga a taxa de saque e o IOF é de 6,38%. A cotação será do dia de fechamento da fatura. Ao escolher o cartão de débito você pagará na hora, pois o dinheiro sairá imediatamente da sua conta. Você paga a taxa de saque e IOF de 6,38%.

Leia também: Saque de dólares nos Estados Unidos

Vale a pena usar cartão de crédito?

Sim, vale a pena. Apesar do IOF de 6,38%, consideramos ainda válida a utilização, principalmente por quatro motivos:
- Segurança: andar com muito dinheiro é sempre arriscado;
- Praticidade: processo rápido e sem preocupações;
- Cotação: normalmente a cotação do cartão de crédito é superior as das casas de câmbio;
- Milhas: não há maneira mais rápida de ganhar milhas do que usando seu cartão de crédito.

Em San Diego, o cartão tem plena aceitação, então você pode fazer compras mesmo se for no valor de US$1 sem problemas. Algumas vezes, você não precisa sequer digitar a senha, e a compra é aprovada.

E os cartões pré-pago: ainda vale a pena usar?

Com o IOF de 6,38%, deixaram de valer a pena. Vale mais a pena comprar papel moeda, pagando 1,1% de IOF. Entretanto, em alguns casos, como o de crianças viajando em excursões, pode ser válido para maior controle. Para adultos, não vale a pena.

Leia também:
- American Express GlobalTravel Card
- Mastercard Cash Passport
- Visa TravelMoney

FDV Câmbio: compra de moeda estrangeira

Através da plataforma FDV Câmbio, o Falando de Viagem vende com total segurança e rapidez na entrega dólares americanos, euros, libras esterlinas, pesos argentinos, pesos chilenos, dirham, franco suíço, coroa dinamarquesa, rand, rublo, shekel, iene e várias outras moedas. E o melhor: você não precisa sair de casa, pois todo o processo é realizado on-line e você receberá no seu endereço comercial ou residencial. Outro serviço disponível na plataforma é a remessa internacional de valores.

Trabalhamos com as melhores cotações do mercado, confira: https://cambio.falandodeviagem.com.br

Os grupos pagos do Falando de Viagem no WhatsApp

- Cartões, Milhas e Viagens (R$ 39,90 mensal - todos os níveis de conhecimento): esse é o grupo mais completo, com a mentoria diária do Gabriel Dias. Divulgação de promoções, estratégias, oportunidades em vários setores e suporte individualizado (inclusive no privado). Faça a inscrição clicando aqui.

- Cartões de crédito PRO (R$ 10,00 mensal - nível de conhecimento avançado): discussões entre os membros de estratégias avançadas, além de divulgação de promoções e oportunidades em primeira mão. Não é um grupo onde tem a mentoria do Gabriel Dias e tampouco o bê-á-bá. Faça a inscrição clicando aqui.

- Tudo sobre as salas VIP (R$ 10,05 trimestral - todos os níveis de conhecimento): grupo para falarmos sobre as salas VIP no Brasil e no mundo. Os principais gestores de salas VIP do Brasil estão nesse grupo. Os membros podem ser convidados para conhecer os lounges e recebem descontos nos passes de acesso. Faça a inscrição clicando aqui.

- Como tirar o visto americano (R$ 99,00 - pagamento único): grupo para quem deseja tirar pela primeira vez ou renovar o visto americano. Assessoria para orientações no agendamento, preenchimento dos dados, informações e dicas para a entrevista. Faça a inscrição clicando aqui.

- Promoções Premium (R$ 15,00 mensal): grupo para quem deseja receber as melhores ofertas da internet, de todos os setores, para economizar muito no dia a dia. Faça a inscrição clicando aqui.

Qual é a melhor fórmula?

Nós aconselhamos que você leve dólares, comprando um pouco de mês em mês, para garantir uma boa cotação na média. Se você sabe que vai viajar, faça um planejamento para compra da moeda, ao invés de comprar tudo na véspera da viagem, quando não poderá esperar e terá que comprar a qualquer preço.

O cartão de crédito continua válido, principalmente se o seu banco não cobra spread ou cobra um valor baixo. Clique aqui para ver quais são os melhores cartões de crédito para usar no exterior, com ágio zero.

O máximo de dólares que você pode entrar nos Estados Unidos, sem declarar, são US$10.000 por família. Qualquer valor acima deste precisa ser declarado, sob o risco de ser preso caso seja descoberto. Eles consideram família todos que moram no mesmo endereço. Então, se você está com US$5.000 e seu cônjuge com US$6.000, é necessário preencher um formulário on-line informando a quantia.

O cartão de crédito é a melhor e mais rápida forma de realizar pagamento nos Estados Unidos. Você pagará IOF de 6,38%? Sim, pagará, mas você acumulará milhas para usar na próxima viagem. Fora isso, nada se compara em termos de segurança. Antes da viagem, faça sempre o aviso viagem, para não ter problema com compras negadas.

Qualquer que seja sua escolha, tenha sempre um cartão de crédito, que será exigido como garantia no hotel e no aluguel do carro. Se você comprou ingressos pela internet em muitos locais é necessário apresentar o cartão de crédito usado na compra no momento da retirada, então fique atento.

Boa viagem!

E você, levou quantos dólares para San Diego? Usou também o cartão de crédito? Qual foi a sua fórmula escolhida? Conte para nós a sua experiência!
Imagem
ImagemImagemImagemImagemImagem
Conheça os grupos pagos do Falando de Viagem no WhatsApp: https://fdv.im/grupospagos



Booking.com

Voltar para “San Diego”

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante


Anúncio