Destinos - Oriente Médio
Dubai

Todos os horários são GMT - 3 horas




 Página 1 de 1 [ 6 mensagens ] 
 
 Mensagem não lidaPublicado: Ter Mai 19, 2020 3:42 pm 
 Atualizado: Sáb Out 10, 2020 3:26 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 19035
Administrador
Imagem

A grande diferença da pandemia da COVID-19 para a de H1N1, em 2009, é o impacto social no dia a dia de cidadãos de todas as partes do mundo. Em 2009, apesar da doença ser extremamente séria e letal, não houve uma paralisação quase integral como vemos hoje, e um dos principais setores afetados com o coronavírus é o de turismo. Agora que todos estão se acostumando com as mudanças desse período difícil, acreditamos que seja uma boa hora para começar a olhar para o futuro.

Foi amplamente observado que regiões do mundo tiveram períodos de pico da doença diferentes. A Ásia e a Europa encararam as dificuldades da pandemia antes de nós, das Américas. A indicação absoluta neste momento é a de ficar em casa. Porém, é possível projetar que destinos asiáticos e europeus sejam normalizados antes do que os Estados Unidos, por exemplo. Entre os destinos em questão que já iniciaram o projeto de reabertura está Dubai. Para te ajudar a programar a sua viagem pós-pandemia, vamos esclarecer os principais pontos sobre a reabertura turística da cidade, que é o principal destino turístico dos Emirados Árabes Unidos e hub de uma das maiores companhias aéreas do mundo, a Emirates Airline.

Leia também:
- É seguro viajar para Portugal? Entenda mais sobre a pandemia de coronavírus e a reabertura do país
- É seguro viajar para França? Entenda mais sobre o quadro do coronavírus e a reabertura do país
- É seguro viajar para Itália? Entenda mais sobre o quadro do coronavírus e a reabertura do país

O panorama do coronavírus em Dubai

Os Emirados Árabes Unidos foram o primeiro país a confirmar casos de coronavírus no Oriente Médio, no dia 29 de janeiro. Os primeiros pacientes foram uma família que havia viajado para Wuhan, na China, o epicentro inicial da doença. Entretanto, governo monarquista não informou onde os pacientes foram tratados e se recusou a responder mais perguntas sobre os casos, apesar da pressão da mídia internacional.

De acordo com dados divulgados no portal oficial do Ministério da Saúde dos Emirados Árabes Unidos, no momento do fechamento desta matéria (19/05), o país registra 25.063 casos confirmados e 227 mortes. Os casos confirmados por dia ainda estão em uma crescente.

Se já detectamos subnotificação e ocultamento de dados em países que operam em regime democrático, como o Brasil, a busca por informações em países não-democráticos é ainda mais difícil. Assim como o governo não divulgou informações precisas ao confirmar os primeiros casos, também não se tem dados de qual é a divisão do número total de doentes confirmados entre os sete emirados que formam o país. O site da Secretaria de Saúde de Dubai compartilha os dados totais do país, não os locais.

Em matéria publicada em 9 de abril, o G1 afirma que, segundo os dados oficiais divulgados pelo governo de Dubai, a cidade tem pouco mais de 2.600 casos confirmados e 12 mortes.

Na segunda semana de março, os Emirados Árabes Unidos proibiram paradas de cruzeiros. Já em 22 de abril, a Agence France-Presse informou que Dubai recebeu cerca de 13 cruzeiros estrangeiros com 29 mil passageiros e 10 mil tripulantes que haviam sido bloqueados no mar após o fechamento de fronteiras de diversos portos ao redor do mundo por causa da pandemia. A notícia traz a informação que o governo da cidade confirma mais de 8 mil casos de coronavírus e 52 mortes.

Os Emirados Árabes Unidos aderiram a quarentena obrigatória (lockdown) com regras rígidas e multas para quem descumprisse. O Aeroporto de Dubai fechou no dia 25 de março de 2020.

Segundo a Solange Barros, da empresa Dubai com Guia, o governo fez voos de repatriação com frequência para os indianos, filipinos e paquistaneses. A medida é para manter os ativos dentro do necessário para manter o país girando ao menor custo possível.

O início da retomada em Dubai

Em 23 de abril, o governo anunciou que Abu Dhabi (emirado mais rico) e Dubai vão iniciar o processo de reabertura gradual por causa do Ramadã, mesmo com o número crescente de casos.

Enquanto o mundo todo inicia a retomada com o comércio de rua, parques e vias públicas, sempre focando em locais abertos, em Abu Dhabi e Dubai os primeiros estabelecimentos com permissão para reabertura são os shoppings. As limitações são:
- Todos que entram nos shoppings vão ter sua temperatura corporal testada;
- Os shoppings vão abrir em horários selecionados, que somam menos de 10 horas por dia;
- O volume de visitantes está limitado a 30% da capacidade total;
- Uso de máscaras é obrigatório para clientes e funcionários. Apenas em Abu Dhabi o uso de luvas também é obrigatório;
- Deve existir um espaço de isolamento caso alguma pessoa infectada teste positivo;
- A limpeza deve ser feita 24 horas por dia, não apenas das superfícies, mas de cada item nas lojas;
- Entrada proibida para crianças entre 2 e 13 anos e idosos com mais de 60 anos;
- Distanciamento interpessoal de dois metros.

Leia também: Tudo que você precisa saber sobre o Ramadã antes de viajar para os Emirados Árabes Unidos

As fronteiras dos EAU estão abertas?

Os Emirados Árabes Unidos fecharam as fronteiras no dia 19 de março. No dia 18 de maio, a Emirates anunciou a retomada de voos de retomada para cidadãos dos EAU que estavam "presos" em outros destinos. Rígidas restrições de entrada continuam em vigor na chegada a Dubai que incluem: teste DHA obrigatório na chegada, quarentena obrigatória de 14 dias e teste de acompanhamento antes da liberação.

A Emirates continua operando de/para o Brasil?

A Emirates Airline já retornou algumas rotas, mas o processo ainda está ocorrendo aos poucos, afinal, são centenas de destinos internacionais. A empresa também está acelerando o plano para deixar de usar o Airbus A380, com capacidade entre 489 e 615 passageiros.

Rota Dubai (DXB) para São Paulo (GRU): previsão de retorno, ainda não confirmada oficialmente, para julho.
Rota Dubai (DXB) para o Rio de Janeiro (GIG): previsão de retorno, ainda não confirmada oficialmente, para julho.

Leia também: Companhia aérea faz teste para detectar coronavírus nos passageiros antes do voo

Existe previsão de abertura para o turismo de lazer?

Não. O One&Only Royal Mirage anunciou voltou a receber hóspedes, com restrições, além de uma série de medidas para oferecer mais segurança aos hóspedes. Já os hotéis do grupo Jumeirah, por exemplo, permanecem fechados e aceitam cancelamentos gratuitos até 15 de setembro de 2020.

Matérias do FDV sobre Dubai

- 10 programas para você fazer na sua primeira vez em Dubai

- 10 passeios para fazer com as crianças em Dubai

- 10 recordes mundiais que você pode conferir de perto em Dubai

- Dubai em 24 horas: roteiro para um dia completo na cidade (ou algumas horas durante o stopover)

- 10 locais não tão turísticos que vale a pena conhecer em Dubai

- Qual moeda levar para Dubai?

- 10 parques de diversão para você curtir em Dubai

Boa viagem - em breve!

E você, está com planos de viajar para Dubai em 2020? Ou preferiu deixar para 2021? Qual será o seu roteiro de viagem? Conte para nós os seus planos!

Imagem
ImagemImagemImagemImagemImagem

_________________
Participe do melhor grupo de descontos do WhatsApp. Acesse: https://fdv.im/DescontosG10



 Mensagem não lidaPublicado: Ter Mai 19, 2020 3:58 pm 
Mensagens: 1404
Que caos. Que perigo. Estavam TÃO corretos em manter uma quarentena rígida, tinha tudo pra dar certo.

_________________
http://fdv.im/ManuCaldas


 Mensagem não lidaPublicado: Qua Mai 20, 2020 2:48 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 40789
Torcendo pela recuperação. Segurança acima de tudo!

_________________
Você já conferiu as últimas matérias do Falando de Viagem? Acesse: https://fdv.im/materias


 Mensagem não lidaPublicado: Ter Mai 26, 2020 10:16 am 
Avatar do usuário
Mensagens: 40789
Burj Khalifa reabre amanhã.

_________________
Você já conferiu as últimas matérias do Falando de Viagem? Acesse: https://fdv.im/materias


 Mensagem não lidaPublicado: Seg Jun 22, 2020 2:16 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 40789
Dubai reabrirá para turistas em 7 de julho. Exigirão o teste ou farão no aeroporto para quem não tiver. Não haverá nenhum bloqueio aos brasileiros.

_________________
Você já conferiu as últimas matérias do Falando de Viagem? Acesse: https://fdv.im/materias


 Mensagem não lidaPublicado: Sáb Out 10, 2020 3:28 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 40789
A boa notícia é que se você pegar COVID-19 a Emirates Airline paga todos os gastos.

_________________
Você já conferiu as últimas matérias do Falando de Viagem? Acesse: https://fdv.im/materias


 
 Tópicos Relacionados      Respostas 
É seguro viajar para Gramado? Entenda mais sobre o quadro do coronavírus e a reabertura da cidade

em Gramado

Última mensagem Sáb Mai 16, 2020 9:25 am Ajudante Ver última mensagem

 

9

É seguro viajar para Foz do Iguaçu? Entenda mais sobre o quadro do coronavírus e a reabertura de Foz

em Foz do Iguaçu

Última mensagem Qua Jun 17, 2020 11:02 pm Ajudante Ver última mensagem

 

6

É seguro viajar para Argentina? Entenda mais sobre o quadro do coronavírus e a reabertura do país

em Argentina

Última mensagem Seg Mai 11, 2020 3:46 pm manucaldas Ver última mensagem

 

3

É seguro viajar para o México? Entenda mais sobre o quadro do coronavírus e a reabertura do país

em México

Última mensagem Ter Mai 19, 2020 1:41 pm JulianaMagalhaes Ver última mensagem

 

2

É seguro viajar para França? Entenda mais sobre o quadro do coronavírus e a reabertura do país

em França

Última mensagem Dom Mai 24, 2020 4:23 pm Beatriz Ver última mensagem

 

5

 


Booking.com
Destinos - Oriente Médio
Dubai

Todos os horários são GMT - 3 horas



Ir para:  
 

 

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 2 visitantes