Aluguel de carros
Hertz

Todos os horários são GMT - 3 horas [ DST ]




 Página 1 de 1 [ 8 mensagens ] 
 
 Mensagem não lidaPublicado: Qua Mai 29, 2013 6:34 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 32
Pra quem for marinheiro de primeira viagem em alugar carros no exterior, tive essa experiência agora em maio com a Hertz, na viagem que fiz pra Miami/Orlando e deixo meu relato:

Imagem

Pra começar, já deixo claro que não voltarei a pegar carro com eles. Odiei o atendimento. Mas vamos por partes:

Depois de fazer algumas pesquisas de preço, fiz a reserva pelo site happytoursusa.com de uma Chevy Traverse (ou semelhante) com a Hertz. Em poucos minutos, recebi a confirmação no email e vinha com seguro LDW, LIS, motorista adicional, KM livre, impostos inclusos e assistência ao veículo. O preço foi de U$488.32.

Só faltou incluir o GPS NeverLost, que eu havia solicitado. Tentei contato por email com a Happytour mas também não responderam. Pois bem, imaginei que na hora de retirar o carro eu poderia solicitar e eles fariam a adição. Engano o meu.

Na correria que foi organizar a viagem, também não comprei um GPS aqui ou planejei pra comprar lá e dispensar o aluguel de um, já que pelo preço não compensa. Era só eu ter usado o GPS do iPhone (mas esqueci de instalar) e me guiado até o hotel na primeira noite, para no dia seguinte comprar um numa BestBuy próxima. Serviu de lição pra próxima viagem.

Pois bem, cheguei no aeroporto de Miami 23h00, cansado depois de um dia inteiro parado no aeroporto de Detroit (conexão) e só queria pegar o carro e ir pro hotel descansar. Fiz o percurso do desembarque até o Mia Rental Car Center com pressa, pois tinha medo do escritório da Hertz fechar (fecha 00h se não me engano). Por sinal, tudo muito sinalizado e fácil de se localizar.

Chegando lá, tinham uns 3 funcionários nos guichês e umas 4 pessoas na fila. Enquanto observava, torci pra não ser chamado logo por um atendente com cara de chato e foi o que aconteceu: caí bem nele. Favala espanhol e inglês, mas era chato e não tinha muita paciência. Mostrei a reserva impressa da Happytour e ele fez uma cara de desfeita. Checou no sistema e comentou dos seguros que tinha e perguntou se eu queria o seguro premium. Falei que não e ele também não insistiu. Perguntou se eu queria GPS e eu disse que sim. Aí falou que não tinha na reserva essa informação e que, portanto, ele teria que ver um carro numa classe acima (upgrade) que tivesse o GPS. Fiquei quieto só vendo onde isso ia chegar. Aí ele me vira e fala que tinha uma Chevy Tahoe (Full Size Suv) e que o preço seria de U$780, com as diárias do GPS. Vejam bem, eu tinha levado uma reserva de uma Traverse (menor, mas era suficiente) por U$488 e mesmo com a diária de U$13 pelo GPS, sairia U$620. Jamais que eu iria pagar essa diferença, por um carro que eu sequer queria.

Contestei o preço e disse que não queria um upgrade, queria simplesmente a Traverse com o gps instalado. Aí ele começou a falar um monte de bobeira, que já tava muito tarde, dizendo que não tinha como instalar o GPS em qualquer carro, que se eu não quisesse a Tahoe, tinham outras opções em classes ainda mais caras e blábláblá. Nessa hora já comecei a me irritar por sentir que estava querendo me passar a perna. Acabou que falei que ficaria com a Traverse mesmo, sem GPS e que ia me virar. Perguntei se ele me mostrava no mapa impresso como chegar no meu hotel e ele disse que sim. Na real eu ia me perder completamente na cidade, além do mais na saída do aeroporto que achei um pouco complicado, além do mais a noite e seria um parto conseguir chegar no hotel em Miami Beach, mas não estava disposto a ser enganado na cara dura.

Vendo a minha resistência, ele saiu do guichê por um tempo e depois de alguns minutos voltou com um papo de que tinha falado com o gerente pra conseguir um desconto, mas como eu não tinha interesse na Tahoe, ele nem ia me falar. Aí, contrariado, perguntei quanto seria e ele falou que faria por U$672. De U$780 por U$672.

Como já estava cansado e tinha certeza que sem um GPS eu iria ficar completamente perdido na cidade, acabei aceitando. Aí ele pediu meu cartão de crédito, pois eu seria o motorista principal. Comentei que eu iria pagar com o cartão da minha mãe e ele de novo, sem muita paciência, disse que só ia usar meu cartão pra registrar meus dados e que eu pagaria com o da minha mãe na devolução do carro. Pois bem, fiz isso, coloquei meu amigo como motorista adicional. Em algum momento, ele também perguntou se eu queria um tanque de combustível pré-pago. Como eu voltaria de Orlando pra Miami as 5h da manhã, pra embarcar às 13h, preferi aceitar mesmo sabendo que seria mais caro, do que em cima da hora, ter que correr atrás de algum posto e correr risco de perder o vôo.

Feito tudo, imprimiu o bilhete da reserva, me deu e falou pra eu ir no andar do estacionamento. Não explicou mais nada. Cheguei lá, não tinha uma alma viva, só um estacionamento gigantesco. Fui atrás do carro sem saber se teria algum funcionário lá (lembrando, nunca tinha alugado carro antes) e ao chegar, vi que não mas o carro estava aberto e com a chave na direção. Além de ser automático, era daqueles com câmbio na direção. Não fazia ideia de como dirigia isso hehe. Aí voltei a procurar alguém no estacionamento e apareceu uma pessoa dentro do guichê da Hertz Gold e ela explicou. Na volta, chequei o exterior do carro pra ver se tinha alguma avaria e tava intacto. O carro tinha pouco menos de 10 mil milhas rodadas.

Ah, um detalhe: apesar do bagageiro ser imenso, dentro tinham 2 bancos-extras removíveis deitados que só estavam ocupando espaço. Perguntei se podia deixar na Hertz, pois como estávamos em 4 pessoas, eles só me atrapalhariam. Não deixaram, como eu já imaginava...

Ligado o carro, o desafio agora era entender o GPS, lento e muito ruim. Depois de umas fuçadas básicas, tracei a rota e parti pro hotel. Repito, como o GPS é bem ruim, errei algumas curvas no caminho até me acostumar a ele. O problema é que as vezes ele avisa muito em cima da hora e a forma como o mapa é mostrado também dificulta a visualização.

Passado tudo isso, o carro funcionou dentro dos conformes durante os 10 dias que fiquei com ele. Viajar pra Orlando com um desse inclusive, foi tão sossegado que tive que ir tomando um energético Monster pra não dormir. Estradas ultra monótonas e carro super confortável e silencioso hehe.

Aí nos últimos dias, me programei pra devolver o carro com o tanque o mais vazio possível, já que tinha combinado o tanque pré-pago. Coloquei o endereço no GPS e fui tranquilo pro aeroporto. Uma vez mais próximo de lá, é só seguir as placas que é bem tranquilo voltar pro Rental Car Center. Como outros aqui do fórum, quando vi aquela barreira no chão com umas pontas afiadas, assustei e parei o carro antes hahaha... aí uma pessoa na garagem falou que podia passar e foi o que fiz. Impossível não assustar com aquilo na primeira vez.

Cheguei no espaço da Hertz pra devolução e mais uma vez, uma funcionária de poucas palavras e sem muita paciência me recebeu. Não falou nada e já foi conferindo o carro, abrindo as portas e olhando tudo. Quando tava pra terminar, virou pra mim e disse que o tanque tava vazio. Confirmei que sim, pois tinha combinado o pré-pago. Ela olhou o bilhete e disse que não constava essa informação e que se fosse pra Hertz abastecer, o galão seria bem mais caro. Falei que havia algum engano, pois eu tinha solicitado isso e até descrevi quem tinha me atendido no dia da locação. Ela deu de ombros e repetiu que se eu não abastecesse, a Hertz cobraria U$9 pelo galão (sendo que no posto é menos de U$4) e me disse que tinha um posto ali perto e compensaria eu ir lá. Eu até tinha checado o bilhete quando loquei, pra ver se tava tudo certo e tinha uma informação sobre combustível, mas não era sobre o pré-pago, apenas constava que estava pegando o carro com tanque cheio. Cansado, nem reparei.

Como ainda era umas 10h40 e meu vôo era as 13h, e vi que aquela discussão não ia adiantar, peguei o carro e fui. Ao sair do andar da Hertz, pedi informação pro segurança do portão e ele, também grosso, só falou que era a direita da saída do aeroporto. Fiz isso e dei de cara com um Shell e do lado um Chevron. Ambos tavam com o galão a uns U$4,80 se não me engano. Mesmo sabendo que tava mais caro do que o comum, fui no da Chevron pra já me livrar logo desse problema e voltar pro aeroporto.

A ironia porém, foi que assim que saí da Chevron e continuei andando pra pegar o contorno, dei de cara com um outro posto bem perto que tinha o galão mais barato, abaixo dos U$4.

Uma dica: quando fui abastecer a primeira vez na viagem pra Orlando, um atendente me disse que cartão internacional não funcionaria pois é necessário o ZIP CODE. Acabei pagando em dinheiro, mas da segunda vez que fui abastecer, usei o cartão e botei os 5 primeiros dígitos do meu CEP aqui no Brasil e passou de primeira.

Aí voltei pro aeroporto, devolvi o carro, ela confirmou que tava cheio e emitiu um outro bilhete, virou as costas e saiu. Peguei o mesmo e como instruído no momento da locação, me dirigi a um guichê da Hertz no estacionamento pra pagá-lo. Aí na fila, um outro brasileiro comentou que aquilo ali já tava pago e que eu podia seguir viagem. Ora, na locação o atendente me disse que eu pagaria na devolução e poderia usar outro cartão, por isso minha desconfiança. Fui no andar das locadoras e perguntei novamente pra um atendente que confirmou que realmente já estava pago. O pior é que eu tinha certeza que meu cartão já estava com o limite estourado antes mesmo da viagem, por isso pagaria com outro.

Enfim, concluíndo o relato, como achei que fui mal atendido em todos os momentos pelos funcionários da Hertz, não pretendo pegar carro com eles novamente. Pela olhada que dei no Rental Car Center, a Alamo tinha um espaço tão grande quanto o da Hertz. Da próxima vez, pesquisarei preços com eles.

Ah! Uma dúvida que fiquei: na volta pra Miami, peguei aqueles tickets naqueles pedágios automatizados que você paga depois, mas antes de chegar em Miami fiz um desvio pra passar no Dolphin Mall (minha irmã precisava trocar uma blusa). E aí não passei por mais nenhum pedágio, pra pagá-lo. No único que passei, perto do aeroporto já, tava distraído e peguei o Toll Pass automático, aquele do adesivo. Daí na hora de devolver o carro, a atendente só falou que demoraria umas 2 semanas pra chegar a cobrança na Hertz e eles fariam o débito no meu cartão, mas também não soube explicar o valor. É assim mesmo? Na ida de Miami pra Orlando eu paguei e deu U$12.50.

Foi assim minha primeira vez locando um carro no exterior. Espero que sirva de referência pra quem tiver em situação parecida :D

Imagem
ImagemImagemImagemImagem



 Mensagem não lidaPublicado: Qua Mai 29, 2013 7:22 pm 
Mensagens: 1891
Que droga. Você já começou hardcore :)


 Mensagem não lidaPublicado: Qua Mai 29, 2013 7:34 pm 
Mensagens: 960
@thiagors, belo relato! Lamento pelos ocorridos, mas infelizmente independente da locadora os atendentes estão "vislumbrando" cada vez mais oportunidade de ganhar um extra em cima de serviços adicionais ou mesmo com coberturas não contratadas através outros sites!

Bom até onde sei realmente a Hertz oferece o GPS e Toll Pass fixo no veiculo, aí não tendo um modelo com o GPS acoplado, vai do vendedor cobrar ou não pelo upgrade para um que tenha!
Quando cheguei no JFK fui direto pro estacionamento (Hertz Gold) aí vi que o carro não tinha o E-Pass, tive que trocar por um que tivesse, mesmo modelo!

Se ficou alguma infração de transito, fique tranquilo eles irão debitar do cartao de credito diretamente! Se houver duvidas contate a Hertz Brasil após o debito!

Fique tranquilo, na próxima voce já terá os "macetes"!


 Mensagem não lidaPublicado: Qua Mai 29, 2013 9:09 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 228
Eu aluguei pela Sixt em Miami e foi uma experiência maravilhosa. Atendimento nota 10


 Mensagem não lidaPublicado: Qua Mai 29, 2013 9:44 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 306SP
Que chato isso..
Em relação à Alamo, não tenho o que reclamar, e nunca tive problemas. A Sixt tb atende bem.


 Mensagem não lidaPublicado: Qua Mai 29, 2013 10:23 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 32
@Springbook, não sei se ficou claro no meu texto, mas eu tava ciente de que pra adição do GPS, eu teria que pagar mais. Só não me conformei em ser "obrigado" a fazer um upgrade de categoria pra pegar um carro com ele instalado.

Sobre o toll pass, eu esqueci de perguntar na hora mas depois vi que o carro tinha o adesivo. Por via das dúvidas, acabei pagando manualmente os pedágios, indo nas cabines mesmo. Só acabei passando no "automático" em 2, por distração.

Mas com certeza, tudo serviu de aprendizado. Fica de lição pra próxima vez :)


 Mensagem não lidaPublicado: Qua Mai 29, 2013 10:43 pm 
Mensagens: 960
@thiagors, ficou claro sim! O que quis dizer é que na Hertz ao contrario de outras, o GPS é fixo, então o número de modelos com ele não é igual ao da frota da categoria e também não há a possibilidade migrar ele entre os carros! Concordo que não deveria ter sido cobrado de você o upgrade, até porque a garagem da Hertz é uma das maiores em MIA.

Agora refletindo como é incrível que a atitude de um funcionário pode 'imacular' ou 'destruir' a imagem da empresa perante o consumidor! As empresas deveriam padronizar e aprimorar o atendimento, sairiam ganhando certo! Para mim a Hertz, Avis e Alamo são excelentes e a Sixt não quero passar perto!


 Mensagem não lidaPublicado: Dom Jun 30, 2013 12:55 am 
Mensagens: 33
Qtos mal-entendidos! Fica complicado mesmo...

Ja eu, tive uma boa experiencia com a Hertz... Inicialmente cotando nas demais, a Sixt estava mais barata, porem conversando por tel com a Hertz, eles igualaram o preco... Em Miami, os dois "motoristas" conseguiram se virar bem com o portunhol e o atendente! rs... Na primeira devolucao, tambem paramos ao ver a barreira!!! Mas foi aqui nesse site q ja tinhamos lido a respeito e passamos (bem devagar, diga-se se passagem! rsrs) por ela. Qto a devolucao, tambem ficamos na duvida se tinha que passar em mais algum balcao, pq o ingles precario, ja viu ne... Mas estava tudo certo como feito pela reserva, nao tinha que passar em lugar nenhum. Em Dallas, ja nao tinha essa do "portunhol" eu tive q ajudar na locacao... la tivemos a questao de nao gostar muito do carro, mas na primeira oportunidade, voltamos e trocamos... agora uma coisa q me deixou mais satisfeita com eles, eh q no dia da devolucao, o horario pra entregar o carro era bem antes do voo, estavamos em 2 adultos e 1 bebe (mais 4 malas grandes, 3 malas de mao, carrinho, cadeirinha e etc...) meu marido q nao fala ingles, tinha se disposto a me deixar no aeroporto com a baby e as malas e voltar pra entregar o carro sozinho (pra quem nao conhece o aeroporto de Dallas, fica longe das locadoras e o transporte eh feito com um onibus, ou seja, mega trabalho ficar embarcando e desembarcando tudo, alugando carrinhos e tal) mas com o tempo apertado e com o medo dele nao conseguir resolver algo sozinho, fomos todos juntos... No caminho, ainda comentei, bem que podia ter um motorista deles pra levar a gente pro aeroporto, mas nao cabia mais uma agulha no nosso carro, quem diria um adulto... Ao chegar, o funcionario veio checar o carro, viu q eramos do Brasil, viu o tanto de bagagem + baby e se dispos a levar a gente pro aeroporto! Ele, muito simpatico por sinal (embora dissesse curtir o nosso ex-presidente! rsrs) prontamente indicou uma van q tinha sido entregue na nossa frente, passamos as bagagens pra ela e ele nos levou, segundo ele, sem custo, mas claro q deixamos uma gorjeta. Resolveu nossos problemas! rs...
A cobranca dos pedagios veio na fatura seguinte do cartao e de "presente grego" uma multinha basica de farol vermelho, la de Boca Raton! grrr...


 
 Tópicos Relacionados      Respostas 
Relato: o dia em que bati com o carro alugado 5 minutos depois de sair da locadora

[ Ir para página: 1, 2 ]

em Aluguel de carros

Última mensagem Seg Jun 03, 2019 12:47 pm ludsonfarah Ver última mensagem

 

14

Onde se hospedar em Miami sem alugar um carro

em Hotéis em Miami

Última mensagem Ter Jun 11, 2019 4:11 pm Ajudante Ver última mensagem

 

9

Quais são as salas VIP do Aeroporto de Miami?

em Salas VIP

Última mensagem Qua Ago 28, 2019 3:58 pm Ajudante Ver última mensagem

 

6

Estacionamento irregular em Miami: carro é preso com uma trava para não se locomover

em Transporte em Miami

Última mensagem Ter Fev 05, 2019 7:23 pm GabrielDias Ver última mensagem

 

2

Onde estacionar o carro no Porto de Miami | Informações, preços e dicas

em Transporte em Miami

Última mensagem Ter Jun 11, 2019 4:04 pm Ajudante Ver última mensagem

 

5

 


Booking.com


Aluguel de carros
Hertz

Todos os horários são GMT - 3 horas [ DST ]



Ir para:  
 

 

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 3 visitantes