Página 1 de 1 [ 2 mensagens ] 
 
 Mensagem não lidaPublicado: Qua Mai 20, 2020 10:17 am 
Avatar do usuário
Mensagens: 18813
Administrador
Imagem

A grande parte dos cartões de crédito oferecidos pelos bancos no Brasil oferecem a opção do crédito rotativo. Os juros dos cartões de crédito, com raras exceções, são altíssimos e a dívida pode virar uma bola de neve. Para evitar o endividamento, em 2017 foi realizada uma mudança no sistema do crédito rotativo, permitindo o rotativo por no máximo 30 dias. O não pagamento do valor mínimo bloqueia o cartão de crédito e a fatura entra em parcelamento.

Leia também: 70 dúvidas que você já teve ou vai ter sobre cartões de crédito

Como funciona no Santander?

Atualmente, no Santander você precisa pagar no mínimo 15% do valor da sua fatura para continuar com o cartão de crédito ativo, podendo realizar compras. O valor deixado em aberto (sem pagamento) é adicionado automaticamente à fatura seguinte, com os juros que estão especificados na fatura. Então, depois de 30 dias, você poderá:
- Quitar o valor total da fatura;
- Pagar novamente o valor mínimo da fatura, também de 15%.

O Santander oferece também o Parcelamento Parcial, na primeira fatura depois do pagamento do valor mínimo, onde você paga o valor correspondente ao crédito rotativo da fatura anterior + 15% das novas compras.

Entrei no rotativo e não consegui quitar a fatura: o que fazer?

Neste caso, automaticamente o banco irá parcelar a sua fatura após você pagar duas vezes o valor mínimo, deixando o cartão de crédito bloqueado. As taxas de juros do Parcelamento Automático são sempre menores do que as do Crédito Rotativo.

O Santander oferece o parcelamento automático da fatura, em 18 vezes fixas. Você pode conferir todos os detalhes, inclusive com exemplos, clicando aqui.

Leia também: 10 dicas para você proteger seus cartões de crédito

O que acontece se eu não pagar?

O seu nome será cadastrado no SPC, Serasa e SCPC, que são empresas de análise de crédito. Com isso, você dificilmente conseguirá crédito no mercado. Inicialmente, o banco fará contatos para negociar o pagamento da dívida, e posteriormente vendará a sua dívida para outras empresas, que seguirão tentando um acordo via telefone, SMS e e-mail.

Se você decidir aceitar o acordo, o seu nome sairá dos órgãos de proteção ao crédito assim que quitar a primeira parcela ou o valor total da dívida. Aqui vale uma dica: se você está endividado, uma negociação de vários meses pode não ser a melhor opção para quitar o débito, pois se você deixar de pagar terá novamente o CPF incluído nos órgãos de proteção e será preciso nova negociação.

Clicando aqui você pode consultar mais perguntas e respostas disponibilizadas pelo Santander.

O Santander oferece desconto nas dívidas em atraso?

Sim, oferece. E, geralmente, quanto maior o tempo de atraso, maior é o desconto oferecido, podendo chegar aos 90% ou até mesmo 95% do valor. Os descontos mais agressivos são para pagamento à vista.

Tempo máximo da dívida: 5 anos

De acordo com o Código de Defesa do Consumidor, o prazo máximo para cobrança de dívidas na justiça ou inserção do nome do devedor em cadastro de órgãos de restrição ao crédito, como SPC, Serasa e SCPC, é de 5 anos, a contar da data em que a dívida venceu e deveria ter sido paga.

Nota de crédito

SPC, Serasa, SCPC e Foregon dão um note de crédito para cada pessoa, que é chamado de score de crédito. Essa nota é usada pelos bancos quando eles precisam decidir se aprovam um novo cartão de crédito, se aumentam o limite ou se dão um empréstimo ou financiamento.

Para realizar essa consulta, que é gratuita, você deve acessar: https://fdv.im/ScoreCredito

Basicamente, podem ser três os resultados:
- Score baixo: 0 a 399 - alerta ligado, pois você não está sendo visto com bons olhos pelo mercado;
- Score médio: 400 a 699 - tudo está indo bem, mas pode melhorar, e você é um bom pagador;
- Score alto: 700 a 1.000 - você tem uma situação financeira bem estável aos olhos do mercado.

Leia também: Como aumentar o score de crédito do seu CPF

Conclusão

Sempre que possível não use o crédito rotativo. Apesar de ser possível usá-lo, a operação pode se tornar um grande transtorno na sua vida financeira. O crédito deve ser usado apenas em situações realmente necessárias e você precisa ter um planejamento para quitar a dívida em 30 dias ou 60 dias, para evitar um parcelamento automático com juros altos.

Boas compras!

E você, já precisou usar o crédito rotativo do Santander? Conseguiu quitar a dívida ou teve problemas? Conte para nós a sua experiência!

Imagem
ImagemImagemImagemImagemImagem

_________________
Participe do melhor grupo de descontos do WhatsApp. Acesse: https://fdv.im/Descontos11



 Mensagem não lidaPublicado: Ter Mai 26, 2020 10:39 am 
Avatar do usuário
Mensagens: 40452
O Santander acho que foi o banco que mais fez ações durante a pandemia.

_________________
Você já conferiu as últimas matérias do Falando de Viagem? Acesse: https://fdv.im/materias


 
 Tópicos Relacionados      Respostas 
Como funciona o Crédito Rotativo nos cartões de crédito da Caixa

em Caixa

Última mensagem Ter Jun 09, 2020 7:05 pm GabrielDias Ver última mensagem

 

1

Como funciona o Crédito Rotativo nos cartões de crédito do Bradesco

em Bradesco

Última mensagem Sex Jun 12, 2020 2:13 pm Ajudante Ver última mensagem

 

5

Como funciona o Crédito Rotativo no cartão de crédito Nubank

em Nubank

Última mensagem Qui Jul 02, 2020 1:50 pm Ajudante Ver última mensagem

 

2

Cotação do dólar americano nos cartões de crédito do Santander

em Cotação do dólar no cartão de crédito

Última mensagem Sáb Jun 27, 2020 3:16 pm GabrielDias Ver última mensagem

 

1

Santander irá priorizar emissão de cartões de crédito na bandeira Visa

[ Ir para página: 1, 2, 3 ]

em Santander

Última mensagem Ter Jul 28, 2020 3:52 pm apap0108 Ver última mensagem

 

27

 


Booking.com


Ir para:  
 

 

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 7 visitantes