Dicas de viagem

Todos os horários são GMT - 3 horas [ DST ]




 Página 1 de 1 [ 10 mensagens ] 
 
 Mensagem não lidaPublicado: Qua Jul 03, 2019 7:21 am 
Avatar do usuário
Mensagens: 18549
Administrador
Imagem

Sempre ao viajar para o exterior surge a dúvida sobre qual moeda levar e quais as melhores formas de pagamento. Para começar, os brasileiros têm um grande problema, chamado IOF. O Imposto sobre Operações Financeiras tornou mais difícil e cara a vida dos viajantes, pois no uso dos cartões incide o imposto, no valor de 6,38%. Até a compra de papel moeda, que por muito tempo cobrava apenas 0,38% de IOF, teve reajuste e atualmente cobra 1,1%. Resumindo: não tem como fugir do pagamento do imposto ao comprar moeda nas casas de câmbio.

Leia também: Quando começar a comprar os dólares da viagem?

Vamos analisar de forma objetiva as opções?

Dinheiro em espécie

O IOF é o menor de todos, então é uma vantagem. Em compensação, você estará com dinheiro vivo, o que pode ser um problema no quesito segurança. É preciso cuidado redobrado para evitar roubos, por exemplo. Comprando papel moeda, você garante a cotação, e também não precisa se preocupar com a variação cambial.

- Onde comprar dólar mais barato no Rio de Janeiro
- Onde comprar dólar mais barato em São Paulo

Vale lembrar que viajar sem cartão de crédito é complicado, então é bom ter um para casos de emergência, como, por exemplo, se o dinheiro acabar. Você também pode levar o seu cartão de débito, para realizar um saque no exterior caso precise de mais dinheiro, mas essa operação normalmente é cara, pois tem IOF de 6,38% e podem ser cobradas duas taxas (do caixa eletrônico usado e do seu banco).

Você sempre deve levar papel moeda (e a imigração pode exigir). Para os EUA, compre dólares americanos. Para a Europa, compre euros. Para vários países da América do Sul, você pode levar reais. Para outros lugares pelo afora, leve moedas fortes, como os dólares, libras ou euros. Geralmente, não vale comprar outras moedas no mercado brasileiro, por causa da cotação ruim, e os dólares e euros são aceitos mundialmente.

Para sair do Brasil, existe um limite máximo de dinheiro sem precisar declarar, que é de R$ 10.000,00. Para entrar em qualquer país, também existe limitação, por isso você precisa se informar antes da viagem. Então, desista da ideia de viajar com milhares de dólares ou reais.

Leia também: Existe limite para sair com dinheiro do Brasil?

Cartão pré-pago

O cartão pré-pago teve certo sucesso no passado, mas com o aumento do IOF para 6,38%, se igualando com o cartão de crédito, perdeu mercado e atualmente só vale usar em situações pontuais. A vantagem dele, que vão te dizer, é que você não sofre com a variação cambial e evita voltar com dúvidas. Ok, mas o dinheiro em espécie oferece isso também, sendo que você paga muito menos no IOF. Ou seja: você ganha mais se não usá-lo.

Claro que em algumas situações vale o uso, como no caso do seu filho viajando em uma excursão, por exemplo. Além de controlar as despesas, você pode colocar mais dinheiro se for necessário.

É preciso tomar cuidado para não deixar saldo, pois se você quiser retirar o dinheiro vai perder novamente na cotação.

Cartão de crédito

O cartão de crédito também cobra IOF de 6,38%, mas em compensação você acumula milhas aéreas em todas as suas compras. O cartão de crédito deve sempre ser seu companheiro de viagem, afinal, é exigido no check-in do hotel e também na hora de alugar um carro. Os bancos definem as suas cotações, então se você tiver um cartão de crédito que não cobre spread - ou cobre um valor razoável - vale mais a pena.

Vale ressaltar que o cartão de crédito é o método mais seguro e mais rápido para pagamentos. Os melhores cartões ainda oferecem benefícios extras, como proteção de preço, proteção de compra e garantia estendida, entre outros. Além disto, vale ter um bom cartão de crédito para ter acesso às salas VIP, conseguir descontos especiais, usar o serviço de Concierge e conseguir upgrades gratuitos em hotéis.

Há bancos que cobram a cotação do dólar do dia da compra e outros que cobram a cotação do dia do fechamento da fatura, fazendo o ajuste para mais ou para menos de acordo com a cotação do dia do pagamento da fatura.

Cartão pré-pago ou cartão de crédito?

Para nós, as vantagens do cartão de crédito são enormes, como já citamos acima. Entretanto, se você tem medo de não se controlar e gastar mais do que pode, o cartão pré-pago ou o dinheiro em espécie podem ser uma melhor opção.

Compra de papel moeda usando cartão de crédito

A nova modalidade das casas de câmbio é permitir a compra de papel moeda usando o cartão de crédito. Aparentemente parece bom, mas a cotação é muito mais cara - e fica mais cara ainda se você quiser parcelar (sim, é possível comprar dólares ou euros parcelado). Só vale a pena em casos extremos, como, por exemplo, não ter o dinheiro à vista para realizar a compra. Com o cartão, seu prazo é de até 40 dias para o pagamento da fatura.

Leia também: Vale a pena comprar dólares ou euros usando o cartão de crédito?

Câmbio no aeroporto

O aeroporto é o pior lugar do mundo para você fazer o câmbio, seja no Brasil ou no exterior. As casas de câmbio são bonitas e chamam a atenção, mas isso tem um preço e você sempre pagará mais caro. Se você está enrolado, e sem tempo para se deslocar, faça a compra on-line e solicite para receber os dólares ou euros no seu escritório ou residência, pois será muito mais vantagem.

Existe fórmula ideal?

Não existe. Cada caso é um caso e não acredite em quem diz que há uma fórmula ideal, pois cada viajante tem o seu perfil e as suas necessidades. Além disto, sempre vale usar a matemática para calcular os custos, pois não terá erro. De uma maneira geral, a melhor opção é viajar com uma boa quantidade de dinheiro em espécie e levar pelo menos dois cartões de crédito, de bandeiras diferentes. Pelo mundo, as bandeiras com maior aceitação são Visa e Mastercard.

Boa viagem!

E você, como costuma se planejar para levar dinheiro em viagens? Conte para nós a sua experiência!

Imagem
ImagemImagemImagemImagemImagem

_________________
Participe do nosso grupo no Telegram. Entre agora mesmo, pois estamos Falando de Viagem: https://t.me/falandodeviagem



 Mensagem não lidaPublicado: Qua Jul 03, 2019 3:28 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 3258
Levo uma parte em dinheiro, e o restante pago no cartão.

Se perto da viagem a moeda estrangeira subiu demais, ou apresenta muita instabilidade, corto alguns "mimos" e tento concentrar a maioria das despesas no dinheiro.

_________________
http://fdv.im/HugoMarcio


 Mensagem não lidaPublicado: Qua Jul 03, 2019 4:03 pm 
Mensagens: 483
Eu prefiro levar uma parte em dinheiro e uma parte no cartão de débito (o meu próprio cartão de débito). Especialmente o do Banco Original, a taxa é bem razoável e instantaneamente no aplicativo você já vê o quanto gastou, não precisa se preocupar até a volta e volta sem dívidas, já que o dinheiro foi gasto mesmo.

Lembrando que em 2020 os cartões de crédito serão obrigados a usar a cotação do dia da compra.


 Mensagem não lidaPublicado: Qua Jul 03, 2019 9:36 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 11550
Eu levo cash pra lá e deposito 80% na minha conta no Chase..
Pago tudo no débito dessa conta... os 20% restantes divido com as pessoas da família para pequenas despesas...
O dólar cash que eu levo vou comprando aos poucos...sempre na tendência de baixa


 Mensagem não lidaPublicado: Qui Jul 04, 2019 12:59 am 
Mensagens: 1909
Levo um pouco de dinheiro e uso a carga pré paga no cartão de crédito do Itaú ao longo de vários meses


 Mensagem não lidaPublicado: Qui Jul 04, 2019 12:45 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 265Concórdia-SC
Antes Eu depositava a maior parte do dinheiro na minha conta do Banco do Brasil e transferia para a conta do BB Americas.
Este mês vou levar a maior parte em espécie e, chegando em SFO, vou depositar na minha conta do Wells Fargo. Usarei cartão de crédito do Wells Fargo e do BB Americas.


 Mensagem não lidaPublicado: Seg Jul 08, 2019 6:16 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 37099
Levo dólares americanos e/ou euros e cartões de crédito: Sempre pelo menos um Visa e um Mastercard. Curioso que acabei de voltar o Peru e lá MUITOS lugares aceitam apenas a bandeira Visa.

_________________
https://fdv.im/GabrielDias


 Mensagem não lidaPublicado: Qui Jul 11, 2019 1:12 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 1634
Lembrando que nos EUA e Europa não tem problema em andar com muito dinheiro... ou deixar no hotel (se for bom)... em cidades europeias o único cuidado são os batedores de carteira.

_________________
http://fdv.im/BeatrizSoares


 Mensagem não lidaPublicado: Qui Jul 11, 2019 2:28 pm 
Mensagens: 272
Eu não confio. Em qualquer lugar do mundo, sempre levo a doleira com a grana dentro. Na carteira apenas o suficiente para o dia. Deixar algo de valor em hotel, só se for bem escondido na mala trancada.

Lembrando que vários famosos já tiveram seus pertences furtados em hotéis de luxo.


 Mensagem não lidaPublicado: Qui Jul 11, 2019 2:39 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 37099
Nunca usei doleira na vida. E nunca pretendo usar.

_________________
https://fdv.im/GabrielDias


 
 Tópicos Relacionados      Respostas 
Cartão de crédito Sicoobcard Visa Platinum

em Sicoob

Última mensagem Qui Mar 07, 2019 1:23 pm GabrielDias Ver última mensagem

 

2

Cartão de crédito Neon Visa Internacional

em Neon

Última mensagem Qui Mar 28, 2019 3:38 pm GabrielDias Ver última mensagem

 

3

Bandeira JCB e o cartão de crédito CAIXA JCB Único

em Cartões de crédito e serviços financeiros

Última mensagem Qua Jan 23, 2019 10:01 am Einstein Ver última mensagem

 

3

Cartão de crédito Safra Visa Platinum

em Safra

Última mensagem Dom Fev 17, 2019 6:58 pm mar7poker Ver última mensagem

 

5

Cartão de crédito Sicredi Visa Gold

em Sicredi

Última mensagem Qua Jan 09, 2019 9:42 am Ajudante Ver última mensagem

 

2

 


Booking.com


Dicas de viagem

Todos os horários são GMT - 3 horas [ DST ]



Ir para:  
 

 

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 5 visitantes