Internet em viagens: será que nunca teremos uma boa opção gratuita?

O idealizador do Falando de Viagem escreve sobre suas viagens, experiências e dá valiosas dicas.
Avatar do usuário
GabrielDias Mensagens: 41747
Sáb Nov 28, 2015 12:39 am
Imagem

Eu viajo muito e em todas as viagens sempre tenho o mesmo problema: Wi-Fi. Em todos os hotéis onde me hospedo há Internet, gratuita ou paga, que sempre funciona, ainda que algumas vezes seja lenta. Quando saio do hotel para conhecer o destino os problemas começam.

É impressionante como as cidades e os locais turísticos, como restaurantes e atrações, ainda enfrentam problemas ao oferecer Wi-Fi. A rede, quando funciona, geralmente é inconstante. Muitas cidades dizem que oferecem Wi-Fi gratuito, mas usá-los é uma tarefa difícil. Muitas vezes a rede não permite a conexão e em outras você é obrigado a preencher um chato formulário para ter acesso. O pior é que virou comum enviarem os dados via SMS, o que gera mais um problema. Estou esperando o código do Aeroporto de Singapura até hoje.

Há situações engraçadas, como alguns hotspots que dizem que vão lhe enviar os dados de acesso via e-mail. Se eu estou sem Internet, como vou checar meu e-mail?

Outro problema comum é que se você ficar inativo poucos minutos já precisará efetuar o processo de login novamente.

Na Tailândia e Europa, onde estive recentemente, optei por testar seria depender de um Free Wi-Fi. Não fiz as contas, mas a maioria das minhas tentativas foram frustradas. Os erros eram variados em hotspots gratuitos e em outros lugares só pagando.

Os locais mais fáceis de usar o Wi-Fi foram: Apple Store, McDonald's e Starbucks. A Internet sempre funcionava, sem necessidade de cadastro, bastando aceitar os termos de uso.

Em Barcelona o Wi-Fi do ônibus turístico hop-on/hop-off funcionou bem. Foi uma grata surpresa!

Nisso de ficar buscando redes sem fio e tentando conectar há um efeito colateral: A bateria vai embora. Quando o sinal é fraco também faz você perder bateria e tempo. Muitas vezes fiquei 10/15 minutos apenas tentando postar uma única foto no Instagram.

Nos Estados Unidos eu nem perco tempo, apesar de saber que em muitos locais há Internet. Saio do Brasil com meu chip da EASYSIM4U, coloco dentro do avião e quando ele aterrissa eu já estou on-line, sem complicações, com Internet 4G de excelente qualidade da T-Mobile, que eles são representantes oficiais.

Depender de Wi-Fi gratuito ainda é muito problemático, infelizmente. A tecnologia melhora, mas nas viagens ainda me sinto no século passado.
Imagem
ImagemImagemImagemImagemImagem

Avatar do usuário
JLito Mensagens: 790
Sáb Nov 28, 2015 1:20 am
Infelizmente muitas cidades turísticas ainda não entenderam as necessidades do turista do século XXI. Devem achar ainda que as pessoas tiram as fotos e as mandam revelar ao voltar de viagem :lol:

Nos EUA sempre compro o chip da T-Mobile no plano semanal. Na Italia comprei um chip da TIM e não foi caro. Já no Japão adquiri um pocket wifi que funcionava até debaixo da terra.

AlbertoKiess Mensagens: 39
Sáb Nov 28, 2015 9:15 pm
Verdade!!

Em Amsterdam, Budapeste, Frankfurt e Roma utilizei sem problemas o Wi-Fi nos aeroportos, em outros lugares nunca consegui!

Em Santiago do Chile, apesar de não ser oferecido Wi-Fi, eu vi uma propaganda da Movistar na qual informava que com uma pequena taxa, você utiliza o 4G ilimitado em 28 países, porém, como a fila estava gigante e eu teria pouco tempo para usufruir da sala VIP da LAN, nem pude me informar mais sobre isso.

A Vivo poderia fazer isso, ou a TIM que anda bem audaciosa com planos para ampliar a sua carteira de clientes!

Avatar do usuário
Fabio Mensagens: 8900
Sáb Nov 28, 2015 9:28 pm
Pior que eh verdade. Ate mesmo em paises de alta tecnologia o problema persiste. Durante a Black Friday no Tanger Outlet de Washington o sinal caia o tempo todo e era preciso refazer login.

Por incrivel que pareca a cidade que mais me surpreendeu nesse sentido ateh hoje foi Moscou. Todos os parques publicos e rede de metro tem wifi aberto de boa qualidade.

Avatar do usuário
fcdias Mensagens: 2338
Seg Nov 30, 2015 7:41 am
Esse problema é um terror. Já fiquei quase sem bateria em inúmeras tentativas frustradas de conectar. Mas a dica do McDonald's é boa. Sempre que fomos em restaurantes da rede, na Europa e até na Ásia, sempre conseguimos conexão e de maneira simples e prática.

Avatar do usuário
Hugomarcio Mensagens: 3750
Seg Nov 30, 2015 7:57 am
O McDonald´s sempre ajuda. Nas emergências paro do lado de fora uns minutos, acesso o que preciso e depois continuo o passeio.

Patricia Mensagens: 2384
Seg Nov 30, 2015 8:13 am
Boa essa dica do McDonald´s - na próxima vez que passar por um em viagens vou lembrar de parar no lado de fora tbm ;-)

http://fdv.im/PatriciaLemos" onclick="window.open(this.href);return false;
Avatar do usuário
laricampsou Mensagens: 601
Seg Nov 30, 2015 8:29 am
McDonalds me salvou algumas vezes. :)
Infelizmente, muitas cidades ainda não entenderam a necessidade dos turistas.

Avatar do usuário
JulianaMagalhaes Mensagens: 6026
Seg Nov 30, 2015 9:01 am
Sempre sofro com internet em viagens! Até mesmo nos hotéis muitas vezes não funciona direito! Sempre rola aquela tensão se vai pegar e mesmo comprando chips rolam algumas dúvidas de qual melhor plano, se será suficiente etc!
Muitas vezes no desespero rola até uma saudade de casa! No caso, da internet de casa! rs

Avatar do usuário
AdrianoV Mensagens: 1755
Seg Nov 30, 2015 10:11 am
Na minha última vez em Orlando fiquei só com o free wi-fi pois meu irmão estava com chip. Como ele voltou só dois dias antes, não quis fazer plano e, nesses dois dias passei um perrengue sem um plano de dados. Realmente nos Estados Unidos não vale a pena ficar sem um plano de voz/dados.





Booking.com

Voltar para “Coluna do Gabriel Dias”

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Google Adsense [Bot] e 6 visitantes


Anúncio