Um apaixonado por viagens, vinhos e carros. Se deixar, viaja até em pé, mas nunca deixa de viajar.
#386719 por Fabio
Ter Fev 13, 2018 3:05 am
Um balanço dos meus primeiros 7 meses nos Estados Unidos: não quero voltar

Imagem

Após uma longa ausência retorno para fazer um balanço dos meus primeiros 7 meses morando nos Estados Unidos. Como já havia dito aqui, por N motivos desisti do Brasil e acabei seguindo um caminho que era natural após tantas vezes ter estado aqui. Não foi uma decisão de impulso e vinha pensando nisso por anos.

Estou morando em San Diego, na Califórnia, desde julho de 2016 e, sem entrar em detalhes pessoais e falando em linhas gerais, a verdade é que a qualidade de vida aqui é excelente e não é minha intenção, em momento algum, retornar ao Brasil. Para passar férias, partindo daqui, consigo passagens para a Europa por US$500, Ásia por US$350 e Oceania por US$700. Ir ao Brasil por quê?

San Diego é uma das mais belas cidades americanas, sempre entre as 10 mais bem colocadas em termos de qualidade de vida entre as grandes cidades americanas. Uma cidade muito segura que praticamente desconhece o crime.

Pelo fato de ter um irmão morando aqui por quase 20 anos, já havia estado aqui umas 50 vezes durante esse período, então a adaptação para mim foi bem menos traumática do que costuma ser para a maioria das pessoas. Mas uma coisa é visitar uma cidade e outra, muito diferente, é morar nela.

O que posso dizer, baseado não apenas na minha vida pessoal, mas das pessoas que conheço e observo de modo geral é que a vida aqui é muito boa. Mesmo sendo preciso trabalhar duro, as pessoas alcançam a estabilidade.

O salário mínimo na Califórnia é de US$11.50, o mais alto do país. A educação básica é gratuita e de alta qualidade, não importando a origem da criança. A grande maioria das coisa, com algumas exceções, é barata sob o ponto de vista de quem vive aqui. A segurança é absoluta. Inexistem assaltos em San Diego e os casos de violência são muito pontuais. Nunca me preocupo em me trancar quando estou em casa e frequentemente esqueço a porta aberta ao sair. As encomendas da Amazon são deixadas na porta e quando chego tudo está em ordem, ninguém mexe no que não é seu.

O californiano é uma espécie de carioca que deu certo. Bem humorado e easy going. Em linhas gerais inexiste o preconceito com imigrantes. Pelo menos eu nunca ouvi falar de um caso assim.

Claro que nem tudo é perfeito. Existem deficiências. Não existe um sistema de saúde público e o acesso à medicina é caro mesmo para os padrões americanos. Planos de saúde também são caros. O aluguel é muito caro também. Um apartamento de sala e quarto em San Diego não sai por menos de US$1.200. E comparado com o resto do país, é a gasolina mais cara do país, ainda que continue sendo barata quando comparado ao Brasil.

Mas mesmo com todos os problemas afirmo que morar aqui proporciona uma qualidade de vida infinitamente superior à que temos no Brasil.

Enfim, este é uma pequena reflexão após meus primeiros 7 meses morando aqui. A medida que for tendo tempo escreverei mais sobre a experiência de viver nos Estados Unidos. Também coloco-me a disposição para tirar dúvidas desde que não envolvam perguntas de cunho pessoal. Lembrando que minha experiência se restringe à Califórnia e as coisas mudam muito de estado para estado.

Imagem
ImagemImagemImagemImagemImagem
#386745 por Fabio
Ter Fev 13, 2018 5:42 pm
Emmanuel, eu sempre fui muito lobo solitario, mas para quem eh mais pelo social, nao vejo dificuldades em fazer amizades. De modo geral o californiano eh bastante simpatico.

Baran, meus amigos e familiares sao sempre muito bem vindos para me ver aqui,

steang, conheci mexicanos que vivem aqui ha mais de 20 ilegais e nem sonham em voltar para o Mexico.
#386759 por soares
Qua Fev 14, 2018 7:51 am
Fabio,
muito legal eu relato. Ajuda esclarecer dúvidas de quem emite opinião apenas como turistas, diferentemente de quem faz opção para se estabelecer definitivamente fora do país de origem.
Mas tenho uma curiosidade: ao fazer esta opção você também optou pela saída definitiva do Brasil em termos de domicílio fiscal? ou você ainda mantém seu CPF ativo no Brasil?

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 2 visitantes