Destinos - Brasil
Centro-Oeste
Bonito

Todos os horários são GMT - 3 horas




 Página 1 de 1 [ 6 mensagens ] 
 
 Título: De Bonito a Miranda: Pantanal Sul Matogrossense
Mensagem não lidaEnviado: Qui Jan 31, 2013 3:42 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 28
De Bonito a Miranda: Pantanal Sul Matogrossense

Depois de ficarmos 12 dias inteirinhos em Bonito, curtindo tudinho que tínhamos para curtir, partimos para o Pantanal Sul Matogrossense, localizado a 130 km de Bonito.

Como comentei anteriormente, compramos o passeio do Pantanal na Agência Ar, junto com os passeios de Bonito. No pacote incluía 2 Diárias na Fazenda San Francisco, café, almoço e jantar, passeio de chalana com pesca de piranhas, lanche pantaneiro, safári fotográfico/focagem noturna e safari fotográfico/observação das aves.

Saímos de Bonito por volta das 10:00 da manhã, era para termos saído bem cedinho, mas um dia anterior fizemos o passeio da Cachoeira Boca da Onça. Conclusão: a canseira bateu, estávamos mortos de cansados e não conseguimos acordar no horário certo, poderíamos ter chegado na fazenda para o café (quebra torto) mas infelizmente não deu. Enfim, como já estávamos atrasados, nada de correria, arrumamos todas as nossas coisas com calma, fizemos o check-out. na Pousada Arizona e partimos para Miranda.

Por indicação do pessoal da pousada, fomos pelo caminho mais curto, pois a estrada de 68 km que constava no mapa como terra, já havia sido asfaltada. A estrada de Bonito até o trevo de Bodoquena é um tapete e com paisagens de cair o queixo, muito lindo! Como não conhecíamos fomos em um ritmo sossegado, só curtindo a paisagem e tirando fotos.

Só uma observação importante: Depois que passa o trevo de Bodoquena até chegar no próximo trevo, que é de Miranda parece que vc está dentro da mata fechada, tem muitas, muitas arvores, a paisagem se mistura entre muito verde e serrado. Nessa parte a estrada é de mão única, são 56 km sem sinalização, deserta, sem acostamento e realmente vc acha que está perdido ou que pegou estrada errada, isso acontece por que do nada você sai de uma estrada boa, sinalizada para uma que não tem sinalização nenhuma.

Depois de muito andar chegamos no trevo de Miranda, ufa que alivio civilização de novo.
De Miranda foi bem tranquilo até a fazenda, tem uma parte de terra que passa por varias outras fazendas, mas tem inúmeras placas com indicação Fazenda San Francisco.
Mesmo passando por esse sufoco da estrada, a paisagem é recompensadora, o Pantanal Sul é Inexplicavelmente lindo! Esse lugar proporciona cenários indescritíveis e inesquecíveis.
Miranda é considerada o Portal do Pantanal Sul, grande planície alagadiça começa praticamente dentro da cidade. O turista encontra uma flora tipicamente pantaneira e os principais cursos de água do município são os rios Miranda, Salobra e Agachi. O encontro das águas cristalinas do Rio Salobra com as águas turvas do Rio Miranda é um atrativo que eu considero como imperdível!

Distancia Percorrida:
De: Bonito á Miranda: 130 km (Via Serra da Bodoquena – Fizemos + - 02h40min)
De: Miranda á Fazenda: 30 km (30 minutos – 6 km de terra)

Imagem

A nossa chegada à fazenda foi bem receptiva, fomos recepcionados por um funcionário que nos levou até a secretaria e lá fizemos o Check-in, nos explicaram os horários de passeios, horário da alimentação e depois nos levou até o quarto. Tinha uns gringos na frente, mas logo veio outra pessoa ajudar, achei o atendimento bem atencioso, até mesmo por que estava na hora do almoço e tinha um grupo grande visitando a fazenda.

Não há serviço de carregador de malas, pois na frente do quarto tem vaga para estacionar o carro, então do carro até o quarto nos se viramos para descarregar as malas.
Depois que deixamos as coisas no quarto fomos almoçar, tudo estava quentinho, mesmo sendo 2 da tarde, sem palavras para a comida, um banquete, diversas saladas, comidas típicas da região, inúmeros doces, e frutas.
Depois do almoço fomos fazer um tour pela fazenda:

A fazenda é cheia de historias e encantos.

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

No mesmo dia, depois do almoço, descansamos mais ou menos duas horas e fomos fazer o passeio de Chalana com pesca de piranhas no Rio Miranda. Durante o passeio o guia faz uma palestra de conscientização a preservação do local, além disso, dá instruções de como pescar as piranhas, chama os jacarés, assovia para os gaviões que pega o peixe ainda no ar, fala muito sobre a cultura pantaneira e suas curiosidades.

Demos muito sorte em visitar o Pantanal na época dos rios cheios, devido às chuvas de verão, e grande parte estava submerso, a fauna e flora estavam revigoradas e exuberantes. Cada lugar, cada cantinho que olhávamos víamos um animal, uma ave, um mais lindo do que a outro.
As paisagens vão se modificando ao longo do rio e são indiscutíveis.

Fotos Passeio de Chalana.

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Uma das curiosidades é que podemos subdividir o Pantanal em algumas áreas como: Pantanal de Miranda, Aquidauana, Nhêcolandia, Rio Negro, Corumbá. A região de Miranda é a mais próxima da cidade de Bonito, e isso facilita e favorece a visita aos dois destinos, Bonitos e Pantanal em uma única viagem. Quem tem tempo vale muito a pena, voltei encantada!

É uma das maiores planícies alagadas contínuas do planeta e está localizado no centro da América do Sul, na bacia hidrográfica do Alto Paraguai, com 65% de seu território no Estado de Mato Grosso do Sul e 35% no Mato Grosso, e palas suas características e importância esta área foi reconhecida pela UNESCO, no ano de 2000, como Reserva da Biosfera, por ser uma das mais exuberantes e diversificadas reservas naturais da Terra.

Suas extensas áreas inundadas abriga muitas espécies de peixes como o pintado, dourado, pacu, e também de animais, como os jacarés, as capivaras e ariranhas, entre outras espécies. Muitos desses animais estão ameaçados de extinção em outras partes do Brasil, mas ainda possuem populações vigorosas na região pantaneira, como o cervo-do-pantanal (vimos vários no safári fotográfico) a capivara (vimos várias no safári fotográfico cheia de filhotinhos), o tuiuiú (ave gigante e linda) e o jacaré, todos no safári casaram de contar jacarés, são muitos.

Para os turistas que não possuem dias disponíveis para fazer pouso nas fazendas que recebem os turistas, pode fazer o passeio normalmente, mas com um detalhe: tem que ter disposição, pois o passeio é bem cansativo.

O passeio de um dia sai bem cedo de Bonito por volta das 05:00 da manhã em uma van e volta a noitinha. Nesse caso se faz um day use na fazenda escolhida, não é um passeio privativo e sim um passeio compartilhado com outros turistas que custa R$198,00 por pessoa, na época que eu fui em fevereiro de 2012, como tínhamos tempo disponível optamos por ficar na fazenda e fazer todos os passeios. Tudo saiu por R$730,00 o casal. Não fomos de Van, por que estávamos de carro alugado.

A fazenda San Francisco é um charme a parte, bem cuidada, comida deliciosa, quartos com camas boas e não há televisão nos quartos eles mantem a filosofia de sossego e tranquilidade no local, roupas de cama limpinha e cheirosa, banheiro muito bem limpo e cheiroso também, só tinha um sapinho quando eu fui tomar banho, ( em off dei um grito) mas nada de mais, coisa de mato!
A fazenda conta com uma ótima infra-estrutura : Vou listar algumas das opções que tem :
Cantina Pantaneira – São servidos Quebra-torto ( café da Manhã), almoço pantaneiro e o Jantar.

Mini-museu – sala grande com ar condicionado, ventilador, cadeiras confortáveis para descanso após o almoço. O visitante pode encontrar vastas informações sobre diferentes temas como o lendário Sasha Siemel – Onça Pintada, histórico da família Laucídio Coelho, livros, fotos e informações com crânios dos principais animais do Pantanal.

Bar - Local onde são adquiridas as fichas de bebidas para consumo durante o dia ou durante a estadia. Oferecemos também filmes fotográficos, repelente de insetos e biscoitos.

Repouso Boiadeiro – local para descanso após o almoço. Possui redes, cadeiras e mesas. Com acesso para a piscina.

Loja de Souvenir – Situada próximo ao mini-museu. Apresenta ao visitante a oportunidade de conhecer o artesanato local

Laser : Piscina – Jogos de biribol, refrescar antes do almoço, ou curtir a noite.

Centro de Visitantes/Auditório e Laboratório do Projeto GADONÇA – Local onde são ministradas palestras sobre o Pantanal e sobre o Projeto que estuda a Onça Pintada na fazenda e região. O laboratório e escritório do projeto funcionam ao lado do auditório. Localizado próximo à piscina.

Estrebaria – Local onde os cavalos são preparados para saída da cavalgada. Localiza-se próximo ao centro de visitantes do Projeto Gadonça.
Além de tudo isso que citei, a fazenda é especializada em birdwaching, ou seja, programas direcionados para os amantes de observação de pássaros, que conta com diversas espécies catalogadas na própria fazenda. E isso é possível, devido ao projeto de arroz irrigado. Em diversas épocas do ano devido à plantação, com a abundância de grãos recebe inúmeras visitas de diferentes espécies de pássaros e bichos que vem a procura de alimentos.
Um dos passeios que eu mais gostei foi o Safári Fotográfico com focagem noturna de animais, nesse passeio há grandes chances de se avistar uma onça pintada ou jaguatirica, nós conseguimos ver a Jaguatirica. Há possibilidade de ver a onça porque a fazenda desenvolve vários projetos, dentre eles o projeto GADONÇA que é o monitoramento das onças via rádio transmissor o que possibilita maiores chances de ver estes animais em seu habitat natural.

Infelizmente no dia no nosso safári a Onça não quis aparecer, mas o guia nos contou que dias atrás um grupo de turista conseguiu vê-la, mesmo o tempo sendo muito breve, contaram a emoção e ficaram todos empolgados.

A temperatura nessa época varia entre 30°C a 42°C de dia, à noite a temperatura cai e fica bem geladinha. No dia que saímos para fazermos o safári fotográfico/focagem noturna, por volta das 22:00 horas tinha varias pessoas de blusa de moletom, eu achei meio exagero, mas cada um é cada um. No meu caso, fui com uma blusinha fina, não passei frio, achei suficiente para a temperatura, e outra, sendo blusa de moletom ou não precisa de qualquer forma para se proteger dos insetos, que sãooo muitos, os borrachudos são monstruosos.

Fotos Safári Fotográfico Observação das Aves, Safári Fotográfico Noturno e foto do entardecer.

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

O amanhecer também é lindo. Acordamos bem cedo, por volta das 6:30 da manhã, para tomarmos café da manhã (quebra torto) e seguir para o próximo passeio o safári fotográfico (observação das aves), quando abri a porta do quarto, tinha caído orvalho a noite, as plantas estavam lindas, fresquinhas, os pássaros cantando a todo vapor e o Sol raiando como astro rei, lindo , lindo , lindo , quem quer sentir a paz tem que ir para um lugar desses!

A fazenda é Conhecida mundialmente, e recebe um grande número de turistas estrangeiros, nos dias da nossa hospedagem só dava gringo, Canadense, Boliviano, Argentinos e Australianos. Mas na real, opinião de Brasileira rsrs a fazenda é realmente fascinante e apaixonante, posso dizer que estive na Paz total por 3 dias.

Não importa, sendo Day Use ou não eu recomendo muito!

Dicas Importantíssimas:

O Pantanal é um ambiente natural e selvagem, embora não ofereça grandes perigos aos seus visitantes, mas alguns cuidados devem ser tomados, principalmente no sentido de se prevenir contra mudanças no clima ou contra os insetos.

Lá você é o prato do dia, se vc não passar muito repelente, mas quando eu digo muito é muito mesmo, você não consegue contar as picadas de pernilongos e mosquitos afff.

Sem brincadeira, meu marido contou mais de 60 picadas de pernilongos em mim, mas tbm não posso reclamar no dia do Safari fui de calça legging, me dei mal á malha é muito fina e os borrachudos aproveitaram.

Eu recomendo que usem e que tenham na bolsa:

Protetor solar, repelente de insetos, chapéu ou boné, tênis e/ou botas, agasalho, roupas leves, calças (jeans) para cavalgadas e caminhadas, óculos escuros, binóculos, lanterna, capa de chuva, medicamentos pessoais, maquina fotográfica.

Para os visitantes que possam se hospedar mais de 3 dias na fazenda há outras opções de passeios, no nosso caso fizemos os que estavam no pacote e que dava tempo de fazer antes da nossa volta pra casa.

Segue a lista de passeios que a fazenda oferece, esses passeios não precisa ser comprados em agencia, pode ser comprado direto na secretaria da fazenda.

• Safári Fotográfico Em Morro Aberto: é realizado na área de reserva florestal e campos de arroz irrigado da fazenda. Neste passeio é possível observar a fauna local.

• Passeio de Chalana no Corixo São Domingos: é realizado no Corixo São Domingos - um braço do Rio Miranda. Neste passeio é possível visualizar aves que vivem nas margens dos rios. O jacaré muitas vezes é visto bem de perto;

• Focagem Noturna de Animais Silvestres: durante a noite, a luz forte que é usada na focagem reflete nos olhos dos animais. Apresenta-se aos visitantes a possibilidade de encontrarem algum destes animais no passeio realizado no período noturno;

• Cavalgada: é um dos passeios mais interessantes, pois possibilita você conhecer o Pantanal como o pantaneiro faz, em cima de um cavalo. Os cavalos são mansos e acostumados com o andar lento do passeio que segue a procura de animais;

• Canoagem no Corixo São Domingos: o passeio inicia-se na sede da fazenda com a escolha do colete salva-vidas e o remo. Após, segue-se em caminhada em trilha pelo morrinho até o Porto do Corixo para pegar as canoas. O guia está preparado para passar todas as informações para que seja um passeio tranquilo e seguro;

• Focagem Noturna de Jacarés: o passeio é realizado em barco com capacidade para até 08 pessoas. É realizado no Corixo São Domingos. À noite, a luz usada na focagem reflete aos olhos dos animais. Os jacarés são os mais encontrados. O silêncio noturno da mata também fascina;

• Turismo Técnico: o turismo técnico engloba as atividades existentes na fazenda: turismo, pecuária e agricultura. Trata-se de um roteiro especialmente elaborado de acordo com o interesse do grupo.

• Churrasco no Morro do Corixo: o morro do Corixo localiza-se próximo da sede da fazenda. É uma opção agradável para quem quer hospedar-se e curtir a noite no silencio do Pantanal. O churrasco é realizado em cima do morro com fogueira e histórias pantaneiras do Seu Cassimiro, tornando a noite muito mais agradável. O jantar é servido no morro.

• Tirar Leite de Vaca: este passeio tem início às 4h30 da manhã. O guia acompanha o grupo até o curral da fazenda para observar o manejo das vacas leiteiras. Este passeio geralmente é associado à cavalgada. Retorno para a sede da fazenda para "quebra-torto" (típico café da manhã pantaneiro) e saída para passeio escolhido.

• Caminhada Interpretativa na Trilha da Vazante: a trilha é suspensa sendo possível realizá-la o ano todo. Muitas aves, cervos, sucuri e outros animais podem aparecer. No final da passarela suspensa encontra-se um observatório com 10 metros de altura apresentando uma linda paisagem.

Quem tem disponibilidade de tempo, Vale muito a pena visitar, não é longe de Bonito , não existe pedágio, a estrada é muito boa, só uma dica fica esperto com animais na pista porque tem muitos. E muitos morem por falta de prudência dos motoristas.
Na volta de Miranda para Campo Grande, pegamos um trafego muito grande de carretas e bitrens, que vem de Corumbá e como tbm estava na época do carnaval, então a pista estava lotada.

Nosso check-out era ás 16:00, mas saímos com bastante antecedência por volta das 14:00 e chegamos em Campo Grande com o Sol se pondo, como foi uma viagem cansativa, optamos em pousar uma noite em Campo e pegar o voo pra casa no outro dia, foi ótimo essa escolha por que pudemos conhecer a cidade e descansar da viagem tensa que tivemos .

Gente foi maravilhosa nossa viagem, voltei pra Casa encantada, não tenho que reclamar de nada, tudo saiu como planejado, tudo valeu a Pena!
Pique e disposição é o que não pode Faltar!

Boa viagem!



 Título: Re: De Bonito a Miranda: Pantanal Sul Matogrossense
Mensagem não lidaEnviado: Qui Jan 31, 2013 3:44 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 34830
Parabéns pelo conjunto da obra, Rakane. Ótimo texto, com ótimas dicas e fotos perfeitas! :)

_________________
http://fdv.im/GabrielDias


 Título: Re: De Bonito a Miranda: Pantanal Sul Matogrossense
Mensagem não lidaEnviado: Qui Jan 31, 2013 4:12 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 15Cuiabá/MT
Ótimo passeio.
Parabéns pelo relato completo e muito bem detalhado.

Sou de Mato Grosso, os passeios que você fez em Bonito/MS como foi? Tem fotos? Aqui nós temos Nobres/MT, realmente é muito lindo, fui diversas vezes e não me canso de ir, no carnaval mesmo irei para lá. Tenho vontade de conhecer Bonito/MS para ver se realmente é bonito hehe.

Abraços


 Título: Re: De Bonito a Miranda: Pantanal Sul Matogrossense
Mensagem não lidaEnviado: Qui Jan 31, 2013 4:14 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 28
Obrigada Gabriel !


 Título: Re: De Bonito a Miranda: Pantanal Sul Matogrossense
Mensagem não lidaEnviado: Qui Jan 31, 2013 5:02 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 28
Felipi,

Bonito não é bonito, é lindo! :D
Rapaz tem tanta coisa legal pra se fazer, que vc se perde, os passeios são incriveis, todos que eu fiz adorei.
Já ouvi falar de Nobres/MT, é bem parecido com Bonito.
Tem algumas fotos dos passeios no topico Passeios em Bonito, tem outras fotos tbm, estão postadas por topicos.
Quando tiver oportunidade vá a Bonito, não se arrependerá !

Abraços


 Título: Re: De Bonito a Miranda: Pantanal Sul Matogrossense
Mensagem não lidaEnviado: Ter Fev 18, 2014 11:30 am 
Mensagens: 13876
Bonito é realmente bonito viewtopic.php?f=502&t=8127

_________________
Confira também as matérias do FDV no Portal R7: https://fdv.im/FDVPortalR7


Destinos - Brasil
Centro-Oeste
Bonito

Todos os horários são GMT - 3 horas



Ir para:  
 

 

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 4 visitantes