Turismo sustentável: 5 souvenires para você NUNCA comprar em viagens


manucaldas Mensagens: 1404
Sáb Jan 18, 2020 9:56 am
Imagem

Felizmente, o mundo está mudando para melhor e antigos hábitos estão sendo contestados. O mercado de souvenires para turistas vende objetos que vão totalmente contra a ideologia mais sustentável que está ganhando cada vez mais espaço. Se eles são vendidos, é porque tem quem compre, mas está na hora de intervir neste cenário. Se você é um viajante que se preocupa com o meio ambiente, conheça estas cinco lembranças para jamais comprar em viagens.

Leia também: A ascensão do turismo sustentável | Qual o impacto que você deixa nos lugares em que visita?

Dentes de animais

Dente de tubarão, crocodilo, leão... Por muito tempo foi comum usá-los como acessório de moda em colares ou brincos. Agora, já é amplamente divulgado como os animais sofrem para que você fique com o look mais fashion. Alguns vendedores podem falar que o dente caiu naturalmente, mas é impossível verificar esta informação, então o melhor é não comprar.

Corais

Devido ao excesso de colheita, certos corais são listados como espécies ameaçadas de extinção. Fora que muitos não sabem, mas eles também são seres vivos, assim como outros animais marinhos. Os corais são essenciais na missão de balancear o ambiente marinho. Não por acaso, ao mergulhar, você acha uma maior concentração de animais perto deles. Sim, corais são lindos e coloridos, mas ficam ainda mais bonitos no lugar onde eles devem estar, no oceano.

Conchas

Aqui, não estamos falando das conchinhas que você acha facilmente na areia, e sim aquelas enormes e belas iguais às de desenho animado. Grande parte da indústria de conchas é ilegal porque as conchas são coletadas com animais vivos ainda dentro. Para que a concha possa enfeitar a sua estante, o animal que a usava como casa é morto.

Peças de marfim

O mercado ilegal de marfim é um dos mais cruéis do mundo e ameaça os majestosos elefantes de entrarem em extinção, uma vez que o material é proveniente das presas. O comércio para turistas vende uma infinidade de objetos feitos deste marfim banhado em sangue: esculturas, joias, talheres e até a presa do elefante inteira. Dispensa explicações do porque não se deve comprar itens feitos deste material.

Fotos com animais selvagens

Fotos são a melhor forma de eternizar momentos especiais. Porém, tirar selfies com animais pode ser muito cruel nos bastidores. Nas atrações turísticas da vida selvagem, animais como preguiças, cobras, aves exóticas e os gigantes das selvas, como leões e tigres, são frequentemente machucados e sedados antes das fotos serem tiradas, e as criaturas geralmente são capturadas quando filhotes e mantidas em condições desumanas. Ou você nunca achou estranho poder abraçar um leão para o clique perfeito? Se você admira aquele animal, queira que ele viva sem crueldade.

Leia também: A versão do SeaWorld sobre a polêmica do entretenimento com animais

Boa viagem!

E você, também é adepto de um turismo mais sustentável? Há souvenires que você não compra? Quais? Compartilhe nos comentários!
Imagem
ImagemImagemImagemImagemImagem
Avatar do usuário
GabrielDias Mensagens: 41564
Sáb Jan 18, 2020 10:02 am
Outro: areia. Tem países que inclusive prendem quem tenta levar areia das praias como lembrança. E, convenhamos, não faz o menor sentido levar para casa.
Conheça os grupos pagos do Falando de Viagem no WhatsApp: https://fdv.im/grupospagos
Avatar do usuário
JulianaMagalhaes Mensagens: 6016
Dom Jan 19, 2020 10:13 pm
Excelente alerta. Não devemos pegar nada que seja do mar ou até mesmo num geral da natureza. Vale apreciar e deixar tudo do jeitinho que encontramos para que o próximo amiguinho também possa encontrar. E comprar em loja é pior ainda! Não vamos incentivar esse comércio galera! As melhores lembranças são sempre nossas memórias!



Booking.com

Voltar para “Coluna da Manoela Caldas”

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante


Anúncio