Destinos - Europa
Itália

Todos os horários são GMT - 3 horas




 Página 1 de 1 [ 4 mensagens ] 
 
 Mensagem não lidaPublicado: Qua Mai 13, 2020 2:52 pm 
 Atualizado: Ter Jun 23, 2020 10:01 am 
Avatar do usuário
Mensagens: 19035
Administrador
Imagem
Os encantos da romântica Veneza, na Itália.

A grande diferença da pandemia da COVID-19 para a de H1N1, em 2009, é o impacto social no dia a dia de cidadãos de todas as partes do mundo. Em 2009, apesar da doença ser extremamente séria e letal, não houve uma paralisação quase integral como vemos hoje, e um dos principais setores afetados com o coronavírus é o de turismo. Agora que todos estão se acostumando com as mudanças desse período difícil, acreditamos que seja uma boa hora para começar a olhar para o futuro.

Foi amplamente observado que regiões do mundo tiveram períodos de pico da doença diferentes. A Ásia e a Europa encararam as dificuldades da pandemia antes de nós, das Américas. A indicação absoluta neste momento é a de ficar em casa. Porém, é possível projetar que destinos asiáticos e europeus sejam normalizados antes do que os Estados Unidos, por exemplo. Entre os países em questão que já iniciaram o projeto de reabertura está a Itália, um dos destinos mais amados pelos brasileiros e também um dos que mais sofreu com a pandemia. Para te ajudar a programar a sua viagem pós-pandemia, vamos esclarecer os principais pontos sobre a reabertura turística do país.

Leia também:
- É seguro viajar para Portugal? Entenda mais sobre a pandemia de coronavírus e a reabertura do país
- É seguro viajar para França? Entenda mais sobre o quadro do coronavírus e a reabertura do país

Quando começaram os casos na Itália?

Oficialmente, o primeiro caso foi detectado dia 6 de fevereiro, de um italiano repatriado de Wuhan, na China, o primeiro epicentro da pandemia. Porém, existem suspeitas de que os primeiros casos aconteceram no início de janeiro. Esse cenário se repete no mundo todo, mostrando que a doença já atingia e matava pessoas antes dos registros oficiais.

O panorama do coronavírus na Itália

O melhor meio para consultar os dados oficiais é no portal do Ministério da Saúde da Itália. Você pode conferir clicando aqui a aba do site dedicada estritamente ao quadro da doença no país, com números atualizados.

No momento do fechamento desta matéria (13/05), os números oficiais são de 81.266 casos ativos e 30.911 mortes. É o terceiro país com maior número de mortes.

O país decretou quarentena obrigatória (lockdown) em nível nacional no dia 9 de março.

O início da retomada na Itália

No dia 4 de maio, o governo italiano começou o plano de reabertura gradual do país, chamado de 'fase dois'. Você pode conferir o anúncio oficial clicando aqui. É permitido sair às ruas sem ser apenas para atividades essenciais. Estima-se que aproximadamente 4.4 milhões de italianos vão voltar ao trabalho.

- Bares e restaurantes: podem abrir, mas o funcionamento deve ser somente para delivery.

- Comércio não-essencial: vão abrir apenas lojas de alimentos, higiene pessoal, bancas de jornal, farmácias, tabacarias, livrarias, roupas para crianças, floriculturas, e em breve, bicicletas.

- Idas à outras casas: visitas a parentes próximos são permitidas com o uso de máscaras faciais. Ainda não é permitido visitar amigos e nem fazer grandes reuniões familiares.

- Casas de veraneio: não é permitido viajar para ficar na sua própria casa de férias.

- Transporte público: um dos principais desafios da fase dois. Os governos regionais devem garantir que os serviços funcionem enquanto as regras de distanciamento social são respeitadas. Existem critérios que limitam quantas pessoas podem estar dentro de um veículo e é obrigatório usar máscaras faciais e, em algumas regiões, luvas descartáveis.

- Parques e praças públicos: vão reabrir, mas as áreas infantis (parquinhos) não. Mesmo com a reabertura, as distâncias interpessoais devem ser respeitadas. A limitação de fazer exercícios apenas "nas proximidades da casa" foi removida. Portanto, é possível se mover, inclusive de carro, para chegar à área em que se quer correr ou se exercitar.

- Academias de ginástica: exercícios em locais fechados só são permitidos para atletas declarados de interesse nacional pelo Comitê Olímpico Italiano CONI.

- Universidades: podem aplicar provas e agendar apresentações de teses de graduação, respeitando o distanciamento social. Os laboratórios também podem funcionar. Nada foi dito sobre educação infanto-juvenil.

- Funerais: são permitidos com um máximo de 15 pessoas com uso de máscara facial. Também é possível visitar cemitérios, mas aglomerações permanecem proibidas.

As fronteiras da Itália estão abertas?

Estão fechadas. Em meados de março, a União Europeia fechou suas fronteiras para conter o avanço do coronavírus. A medida foi válida para os 27 países da União Europeia e mais quatro que fazem parte da zona Schengen. Até o momento, não há certeza sobre a data de reabertura.

O receio é que viajantes de outros países possam viajar contaminados e espalhar novamente o vírus, causando uma nova onda de contaminação.

Os países da União Europeia são:
- Bélgica;
- Bulgária;
- Chipre;
- Dinamarca;
- Alemanha;
- Estônia;
- Finlândia;
- França;
- Grécia;
- Hungria;
- Itália;
- Croácia;
- Letônia;
- Lituânia;
- Luxemburgo;
- Malta;
- Países Baixos;
- Áustria;
- Polônia;
- Portugal;
- Romênia;
- Eslovênia;
- Eslováquia;
- Espanha;
- República Tcheca;
- Suécia.

O Reino Unido não faz mais parte da União Europeia.

A Alitalia continua com os voos para o Brasil?

Não. Os voos foram temporariamente suspensos e deverão retornar apenas em junho.

As rotas operadas são:
- Roma (FCO) para São Paulo (GRU);
- Roma (FCO) para Rio de Janeiro (GIG).

Entretanto, outras companhias aéreas continuam operando voos, como a Air France e TAP Air Portugal.

Existe previsão de abertura para o turismo de lazer?

Ainda não. As fronteiras da Itália permanecem fechadas. É preciso primeiramente observar se o processo de reabertura vai obter sucesso para depois pensar em viajar para a Itália.

Inclusive, viagens entre regiões italianas permanecem proibidas nessa fase dois. Estudantes e trabalhadores que ficaram "presos" fora de suas cidades durante a quarentena obrigatória, agora podem retornar às suas casas, mas não podem voltar para a região de onde partiram.

É possível que a Itália adote a mesma regra que a Espanha, de exigir quarentena obrigatória de 14 dias para quem entra no país.

Viagens de lazer, provavelmente, só vão ocorrer no segundo semestre. Inclusive, houve um boato de que a Itália fecharia as fronteiras até o final de 2020, mas foi desmentido pelo Ministro do Turismo da Itália, Dario Franceschini.

Matérias do FDV sobre a Itália

- Roteiro de 17 dias pela Itália | Veneza, Florença, Toscana e Roma

- 22 frases em italiano para você usar quando viajar à Itália

- 15 dicas para quem viaja com crianças para a Itália

- Roteiro de viagem pela Itália | Roma, Toscana e Veneza

- Como planejar uma viagem para a Itália

- Qual moeda levar para Itália?

- 10 dicas para alugar um carro e dirigir na Itália

Boa viagem - em breve!

E você, está com planos de viajar para Itália em 2020? Ou preferiu deixar para 2021? Qual será o seu roteiro de viagem? Conte para nós os seus planos!

Imagem
ImagemImagemImagemImagemImagem

_________________
Participe do melhor grupo de descontos do WhatsApp. Acesse: https://fdv.im/DescontosG10



 Mensagem não lidaPublicado: Qua Mai 13, 2020 3:05 pm 
Mensagens: 717
Acho que viagens internacionais em 2020 já eram.


 Mensagem não lidaPublicado: Qua Mai 13, 2020 6:38 pm 
Mensagens: 1404
Independente das viagens, é muito bom ver que a Itália, que sofreu tanto com a pandemia, já está se reerguendo.

_________________
http://fdv.im/ManuCaldas


 Mensagem não lidaPublicado: Qui Mai 28, 2020 10:02 am 
Avatar do usuário
Mensagens: 40789
Parece que até o momento tudo está controlado na Itália.

_________________
Você já conferiu as últimas matérias do Falando de Viagem? Acesse: https://fdv.im/materias


 
 Tópicos Relacionados      Respostas 
É seguro viajar para Israel? Entenda mais sobre o quadro do coronavírus e a reabertura do país

em Israel

Última mensagem Ter Mai 19, 2020 1:44 pm JulianaMagalhaes Ver última mensagem

 

2

É seguro viajar para França? Entenda mais sobre o quadro do coronavírus e a reabertura do país

em França

Última mensagem Dom Mai 24, 2020 4:23 pm Beatriz Ver última mensagem

 

5

É seguro viajar para o México? Entenda mais sobre o quadro do coronavírus e a reabertura do país

em México

Última mensagem Ter Mai 19, 2020 1:41 pm JulianaMagalhaes Ver última mensagem

 

2

É seguro viajar para Espanha? Entenda mais sobre o quadro do coronavírus e a reabertura do país

em Espanha

Última mensagem Qui Mai 28, 2020 11:53 am Ajudante Ver última mensagem

 

3

É seguro viajar para Argentina? Entenda mais sobre o quadro do coronavírus e a reabertura do país

em Argentina

Última mensagem Seg Mai 11, 2020 3:46 pm manucaldas Ver última mensagem

 

3

 


Booking.com
Destinos - Europa
Itália

Todos os horários são GMT - 3 horas



Ir para:  
 

 

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 2 visitantes