Destinos - Oriente Médio
Catar

Todos os horários são GMT - 3 horas




 Página 1 de 1 [ 6 mensagens ] 
 
 Mensagem não lidaPublicado: Dom Abr 12, 2020 10:47 am 
 Atualizado: Seg Abr 13, 2020 3:17 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 18685
Administrador
Imagem

Doha é a capital do Qatar, que foi escolhido como sede da Copa do Mundo 2022. Desde então, a cidade se tornou um destino no radar de turistas do mundo todo. Por causa do evento, atualmente a cidade está passando por um grande volume de obras, tanto para construção de estádios, como na melhoria das ruas, avenidas e da infraestrutura de transporte público.

A cidade em si não é grande, mas oferece uma enorme gama de experiências turísticas, culturais e gastronômicas. Muitos turistas conhecem Doha durante um stopover da Qatar Airways, mas nossa sugestão é dedicar um pouco mais de tempo para explorar a região, e para tanto daremos algumas dicas para que você programe sua viagem.

Leia também: O que significa stopover?

Quanto tempo ficar na cidade?

O mínimo que recomendamos na cidade são dois dias inteiros. Este é o tempo suficiente para conhecer as principais atrações e explorar aqueles locais que mais lhe agradam. Com apenas um dia será possível ter apenas um vislumbre de Doha e, neste caso, sugerimos eleger com calma os locais de maior interesse e focar neles. Sendo possível dedicar três dias ou mais a cidade, você já pode dormir uma noite no deserto, ir para locais mais distantes ou mesmo aproveitar um pouco as opções de lazer do seu hotel.

Qual a melhor forma de conhecer Doha?

Quando estivemos em Doha nós fizemos dois tours guiados com a Guia Doha, comandada pela brasileira Erika Bechara, que faz roteiros personalizados na cidade desde 2006. O atendimento da Erika de fato começou dias antes, quando entramos em contato com ela e sanamos várias dúvidas e recebemos orientações preciosas que tornaram a nossa chegada muito mais tranquila.

Doha vai muito além dos seus prédios e museus, e para conhecer realmente o lugar é necessário saber da sua cultura e história, algo nos foi repassado pela Guia Doha com muita qualidade e profissionalismo. Dessa forma, você enriquece consideravelmente a sua viagem.

Na nossa opinião, esse foi um dos melhores investimentos que fizemos em Doha, tanto por contar com um importante auxílio antes e durante a viagem, como para conhecer essa vibrante cidade na companhia de guias experientes, que falam português e que vão adaptar o roteiro exatamente às suas necessidades.

Qual a moeda local? Aceitam cartão de crédito?

O qatar rial (QAR) é a moeda adotada no Qatar. Apesar das flutuações a cotação para o real é quase sempre uma paridade de 1 para 1. Você pode trocar dólares ou euros em qualquer casa de câmbio, localizadas no aeroporto, Souq, shoppings e diversos outros locais. A cotação é fixa. Também é possível sacar dinheiro nos caixas eletrônicos com o cartão do seu banco, mas haverá incidência de IOF no valor de 6,38%.

Algumas lojas locais aceitam dólares e euros, mas não é uma prática comum. Pelo que vimos, diversas lojas no Souq não aceitam cartão de crédito, sendo necessário sempre ter dinheiro local em mãos. Já nos shoppings, hotéis e lojas maiores o cartão é aceito normalmente.

Por ser um país muçulmano, quais cuidados o turista deve ter no Qatar?

Pelo fato do Qatar ser um país muçulmano, o visitante adotar algumas posturas como forma de respeito à cultura e à tradição locais e evitar problemas. Vale destacar, de início, que durante os dias em que estivemos em Doha fizemos apenas alguns pequenos ajustes no nosso estilo de viagem e não sentimos qualquer desconforto ou incômodo nos lugares que visitamos.

- Vestimenta:

Em primeiro lugar é preciso observar que a vestimenta, que tanto dos homens quanto das mulheres deve ser a mais discreta possível. No caso dos homens a situação é mais fácil: basta usar calça ou bermudas longas (abaixo do joelho) e camisetas ou camisas. Já para as mulheres, é recomendado evitar decotes e deixar os ombros, barrigas e pernas de fora.

Não é certo que você vai encontrar problemas caso não siga tais recomendações. Mas pode sim acontecer de algum morador reclamar formalmente com um policial, e este solicitar que você se retire do ambiente.

Dentre os locais mais visitados pelos turistas, as mesquitas são as que exigem uma vestimenta mais rigorosa. Lá é necessário que as mulheres cubram até os cabelos. E se estiverem com ombros, pernas, barrigas ou colo de fora, não podem entrar.

- Demonstração pública de afeto entre casais:

Outro ponto importante é que não é comum demonstrar afeto ao companheiro(a) em público. Isso inclui beijos ou mesmo andar de mãos dadas ou abraçados. No caso dos hotéis, como regra o país não permite que namorados fiquem juntos no mesmo quarto por acreditar que o casal deve ser oficialmente casado para compartilhar a mesma cama. Esse tipo de situação é mais flexível nos grandes hotéis de redes internacionais, mas mesmo assim esteja ciente de que, em situações extremas, eles podem exigir que os namorados fiquem em quartos separados.

- Comunidade LGBT:

Como mencionado, por causa da religião a demonstração de afeto em público no Qatar não é bem vista, o que também se aplica à comunidade LGBT. A homossexualidade no país, caso identificada, pode ser punida com multa ou até mesmo deportação. Mas na prática, desde que evitada demonstração de afeto em público, o que se aplica a todos os casais, a visita ao país transcorrerá sem problemas.

Em relação aos hotéis, a mesma orientação dada aos casais de namorados também é válida para os membros da comunidade LGBT, devendo-se privilegiar os hotéis de grandes redes internacionais, localizados principalmente em West Bay.

- Contato com os locais:

Ao tirar fotos fique atento para não focar diretamente nos moradores, que podem se sentir incomodados com a situação. Caso necessário, peça autorização antes. Mas fotos gerais do ambiente, ainda que peguem as pessoas na rua e restaurantes, não ensejam problemas.

Quando for cumprimentar alguém deve-se apenas apertar sua mão, e lembre-se que os homens não devem ter contato físico com as mulheres e vice-versa.

- Consumo de álcool:

Bebidas alcoólicas são permitidas somente em determinados locais, como os restaurantes dos grandes hotéis localizados em West Bay.

Leia também: Tudo que você precisa saber sobre o Ramadã antes de viajar para os Emirados Árabes Unidos

Quando ir para Doha?

A melhor época para visitar Doha é no inverno. De novembro a fevereiro as temperaturas estão amenas, com máximas em torno de 25/30 graus e mínimas de 15 graus. Nos demais meses o calor é intenso, principalmente em junho/julho, quando as máximas podem chegar a 50 graus. Em termos de chuva você não tem com o que se preocupar, pois a precipitação anual é muito pequena, e quando ocorre é por pequenos períodos de tempo.

Onde ficar em Doha?

Em termos gerais existem duas áreas principais para se hospedar em Doha: próximo ao Souq Waqif ou em West Bay. A nossa recomendação é nas redondezas do Souq Waqif, que está a apenas 15 minutos de carro do aeroporto, em um ponto central da cidade, próximo aos principais museus e atrações. Além disso, o Souq, na nossa opinião, é o local mais interessante e agradável de Doha e onde você vai querer ficar a maior parte do tempo.

Ficamos hospedados em dois hotéis da rede Tivoli nessa região:

Al Najada Hotel by Tivoli: um 5 estrelas localizado em frente ao Souq Waqif, com ótima estrutura e alto padrão.

Imagem

Souq Waqif Boutique Hotel by Tivoli: também 5 estrelas e localizado dentro do Souq Waqif.

Imagem

Imagem

O Al Najada é uma opção mais interessante, pois é um hotel tradicional, com quartos amplos, estrutura com restaurante, e para se chegar ao Souq basta atravessar uma rua. O Souq Waqif Boutique, por sua vez, é composto por nove hotéis distintos. As áreas de lazer e restaurante estão espalhadas, o que significa dizer que a piscina está em um local, o café da manhã é servido em outro, e assim por diante, e o hóspede pode frequentar qualquer destas unidades. Por essas razões, e por ter um preço mais acessível, achamos que o Al Najada, oferece um melhor custo-benefício.

Já o West Bay é o centro da cidade, e onde se localizam os modernos prédios que marcam o skyline de Doha. É aqui onde estão localizados a maioria dos principais hotéis das redes internacionais. O problema é que West Bay fica afastada do Souq e de grande parte das principais atrações, e a região em si não oferece praticamente nenhuma opção turística.

Por outro lado, os hotéis em West Bay possuem autorização para servir bebidas alcoólicas. É praticamente o único lugar de Doha onde você conseguirá beber um vinho ou uma cerveja. Vale a pena se hospedar em West Bay quando se quer aproveitar a estrutura fantástica dos hotéis ou pretende frequentar os bares e festas da região.

Vale mencionar que outros dois locais em Doha também possuem hotéis de luxo: The Pearl e Aspire Zone. O The Pearl é um bairro afastado, localizado depois do West Bay, que apesar de oferecer uma estrutura completa com lojas, supermercados e restaurantes, só vale para quem tem negócios nas redondezas. O Aspire Zone é onde está o Estádio Khalifa, o Shopping Villagio Mall e o hotel 5 estrelas The Torch, edifício mais alto de Doha. Compensa ficar aqui quem faz questão de se hospedar neste hotel ou vai em algum jogo no estádio, pois não tem mais nada nas proximidades em termos turísticos.

Como se locomover na cidade?

Basicamente, temos 3 formas principais de locomoção: transporte público, Uber e táxi. O sistema de metrô ainda está em processo de implantação e promete estar plenamente funcional para a Copa de 2022. Então, de maneira geral, a principal forma de locomoção dos moradores locais e de muitos turistas é o Uber e o táxi. E apesar do táxi ser um pouco mais caro, no geral ambos são bem acessíveis.

Os táxis estão em vários locais turísticos e podem ser pegos também nas ruas, mas o pagamento precisa necessariamente ser feito em moeda local.

Imagem

O Uber funciona da mesma forma como no restante do mundo, basta solicitar o carro via aplicativo, com pagamento no cartão de crédito.

Para se ter uma ideia, do aeroporto até o Souq Waqif, um trajeto de 15 quilômetros realizado em 25/30 minutos, você pagará aproximadamente 45QAR de táxi e 35QAR de Uber.

Onde comer em Doha?

Existe uma infinidade de bons restaurantes em Doha, e durante nossa viagem contamos com as dicas da Guia Doha para escolher onde ir. O primeiro restaurante que conhecemos, e que figura entre os melhores que já visitamos, foi o Parisa, localizado no Souq Waqif.

Imagem

Imagem

Imagem

O ambiente é lindo, a comida iraniana deliciosa e o atendimento impecável. Espere gastar entre 100 e 140 reais por pessoa. Essa unidade não serve bebida alcoólica, mas o Parisa localizado no hotel Sharq Village tem autorização para isso.

Outro restaurante que visitamos foi o Damasca One, também no Souq, que serve pratos árabes muito parecidos com aqueles que estamos acostumados no Brasil. O lugar é bem cheio, e o atendimento lento, mas a comida é fabulosa. Espere gastar em torno de 70 a 100 reais por pessoa.

Para um café da manhã típico, num local agradável e frequentado por muito locais, a dica é o Al Shomous, que fica no Souq, próximo da Rua Abdullah Bin Jassim.

Imagem

Imagem

Além desses você encontra muitos outros locais no próprio Souq ou nos hotéis do West Bay, inclusive de alta gastronomia.

Padrão de tomada em Doha

O tipo de tomada em Doha é muito diferente daquele encontrado no Brasil e você necessariamente precisará de um adaptador. O ideal é já levar o seu adaptador na mala, mas em caso de necessidade é comum que os melhores hotéis tenham adaptadores para emprestar aos hóspedes.

Imagem

Roteiro de 2 dias em Doha

As atrações que falaremos a seguir podem ser visualizadas neste mapa.

Dia 1

Pousamos em Doha ao meio dia, e por volta das 14:00 já estávamos dentro do quarto do nosso hotel, localizado no Souq Waqif. Após um rápido passeio pelo Souq, às 16:00 encontramos com a guia Natália, da equipe do Guia Doha, que fez um tour completo conosco, nos levando nas lojas mais interessantes e visitando locais pouco conhecidos dos turistas.

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Foi um programa interessante, com informações valiosas e que nos fez entender muito mais a cultura e tradições do povo local. Caso não queira contratar um tour pelo Souq, faça o passeio sem compromisso, explorando as vielas e indo além da parte central. Quem tiver mais tempo pode incluir no roteiro um passeio pelo Museu de Arte Islâmica, cujo acesso pode ser feito a pé desde o Souq.

Dia 2

No segundo dia fizemos um tour de carro novamente com a Natália. Se decidir fazer o passeio por conta própria, reserve dinheiro para utilizar táxi nos deslocamentos, ou chame um Uber, caso o seu celular tenha acesso à internet.

Logo de início conhecemos rapidamente o Museu Nacional do Qatar, cuja arquitetura foi inspirada na Rosa do Deserto, uma formação mineral cristalizada típica da região.

Imagem

Imagem

Imagem

Na sequência paramos um pouco na Corniche, que é a beira mar que liga a região do Souq ao West Bay.

Imagem

Seguimos um pouco mais e chegamos ao West Bay, onde ficamos impressionados com a beleza e arquitetura dos prédios. Incrível como aproximadamente 30 anos atrás a área tinha praticamente nada e hoje abriga o principal polo econômico e empresarial do país.

Imagem

Imagem

A próxima parada foi no Centro Cultura Katara, onde ficamos um bom tempo conhecendo as mesquitas, lojas e toda a estrutura. Aqueles que ficam mais tempo em Doha podem considerar retornar ao Katara durante à noite, pois é um local muito bonito e frequentado tanto por turistas como por moradores locais.

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Logo ao lado estão as ilhas artificiais do The Pearl, um grande complexo com prédios residenciais, hotéis, lojas e restaurantes, e que adota uma arquitetura diferenciada. Inclusive, um dos setores do local reproduz o ambiente de Veneza.

Imagem

Imagem

Em seguida, a Natália nos levou até a Cidade da Educação, onde está um dos mais modernos estádios da cidade e também a linda Biblioteca Nacional do Qatar, com mais de 1 milhão de obras. O prédio em si já vale a visita, mas é o seu interior que realmente impressiona. Sem dúvida, um lugar que não teríamos ido por conta própria, mas que se mostrou um dos mais bonitos e instigantes de Doha.

Imagem

Imagem

Imagem

Durante os deslocamentos ainda fizemos uma rápida parada no primeiro prédio do mundo construído em formato de ano. É possível ler "2022" tanto nas fachadas como do alto do edifício, em alusão à Copa que será realizada no Qatar/

Imagem

Conhecemos também a "Jornada Milagrosa", um conjunto de 14 esculturas de bronze idealizadas pelo britânico Damnien Hirs, instaladas na entrada do hospital Sidra. Elas retratam a gestação, desde a concepção até o nascimento. As esculturas ficaram cobertas por 5 anos porque muitos a acharam ofensivas às tradições do Qatar, e somente há pouco tempo voltaram a ser expostas ao público.

Imagem

Imagem

Para concluir o tour, fomos para a região do Aspire Park, onde conhecemos o Estádio Khalifa, o grande edifício The Torch e o shopping Villagio Mall, cujo interior foi totalmente inspirado em Veneza.

Imagem

Imagem

Neste momento, já era 13:00 e tivemos que nos despedir da Natália. Decidimos ficar no Villagio Mall para algumas compras rápidas, mas logo em seguida pegamos um táxi até o Museu Nacional do Qatar, inaugurado em 2019, e que segundo a Natália é totalmente interativo, perfeito para crianças. Como estávamos com um pequeno viajante de oito anos, ficamos no local duas horas e nos deparamos com lindas galerias e diversos setores em que as crianças, e até os adultos, podem interagir com a exposição.

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Para encerrar o dia, retornamos ao Souq Waqif e passeamos por ele por mais algumas horas. No dia seguinte continuamos viagem, com a sensação agradável de ter conhecido um lugar diferente e acolhedor, e com o desejo de retornar para esta incrível cidade.

Boa viagem!

Texto e fotos: Hugo Medeiros.

E você, conhece a cidade de Doha? Fez uma conexão na cidade ou ficou por alguns dias? Gostou? Como foi o seu roteiro? Conte para nós a sua experiência!

Imagem
ImagemImagemImagemImagemImagem

_________________
Participe do melhor grupo de descontos do WhatsApp. Acesse: https://fdv.im/DescontosG10



 Mensagem não lidaPublicado: Dom Abr 12, 2020 7:36 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 40031
Não conheço Doha, mas lendo essa matéria tenho certeza de que vou gostar. Já estivem em Dubai 5 vezes e adoro o destino. Imagino que Doha não é tão impressionante, mas também é muito interessante.

_________________
Você já conferiu as últimas matérias do Falando de Viagem? Acesse: https://fdv.im/materias


 Mensagem não lidaPublicado: Seg Abr 13, 2020 10:51 am 
Avatar do usuário
Mensagens: 3644
Doha é um destino muito interessante. Fica perfeito em um stopover de 2/3 dias.

_________________
http://fdv.im/HugoMarcio


 Mensagem não lidaPublicado: Ter Abr 14, 2020 5:59 am 
Mensagens: 2077
Ainda não conheço Doha, mas está na lista.

_________________
http://fdv.im/AdrianaRuhmke


 Mensagem não lidaPublicado: Qua Abr 15, 2020 4:22 pm 
Avatar do usuário
Mensagens: 5861
Doha é o tipo de lugar que não pensaria 2 vezes ao contratar um bom guia.

_________________
http://fdv.im/JulianaMagalhaes


 Mensagem não lidaPublicado: Sex Mai 22, 2020 10:46 am 
Mensagens: 17396
Matérias sobre Doha, no Qatar

:arrow: Guia de Doha, no Qatar | Dicas, informações essenciais e roteiro de 2 dias na cidade

:arrow: 8 atrações imperdíveis em Doha, no Catar

:arrow: Guia Brasileira no Catar: Guia Doha

:arrow: Processo de imigração e alfândega no Aeroporto de Doha, no Catar

:arrow: Conexão em Doha | Como se hospedar na capital do Catar pagando quase nada

:arrow: Como é voar na Qsuite da Qatar Airways no Airbus A350

_________________
Participe do melhor grupo de descontos do WhatsApp. Acesse: https://fdv.im/DescontosG10


 
 Tópicos Relacionados      Respostas 
Guia de Viena, Europa | Dicas, informações essenciais e roteiro de 3 dias na cidade

[ Ir para página: 1, 2 ]

em Áustria

Última mensagem Qua Mai 06, 2020 10:45 am Ajudante Ver última mensagem

 

11

Guia da Liubliana, na Eslovênia | Informações, dicas e roteiro de viagem de 2 dias

em Eslovênia

Última mensagem Qui Mai 07, 2020 10:27 am Ajudante Ver última mensagem

 

5

Guia Brasileira no Catar: Guia Doha

em Catar

Última mensagem Seg Mai 25, 2020 3:35 pm JulianaMagalhaes Ver última mensagem

 

3

Qatar irá interromper entrada de estrangeiros em Doha

em Notícias

Última mensagem Ter Mar 24, 2020 6:14 pm Ajudante Ver última mensagem

 

8

Guia de viagem Turks and Caicos: todas as informações sobre a ilha mais paradisíaca do Caribe

em Turks e Caicos

Última mensagem Seg Jul 27, 2020 7:54 pm Beatriz Ver última mensagem

 

3

 


Booking.com
Destinos - Oriente Médio
Catar

Todos os horários são GMT - 3 horas



Ir para:  
 

 

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 2 visitantes